08/11/2018 às 09h49

Agentes de Saúde da região Norte recebem capacitação na área de Educação Popular em Saúde

image"A proposta é que eles consigam perceber o quanto a profissão deles é importante, fazendo educação popular em saúde", diz Glória de Paula

"A proposta é que eles consigam perceber o quanto a profissão deles é importante, fazendo educação popular em saúde", diz Glória de Paula

Fotógrafo: Raíza Ribeiro

Fechar
imageGlória busca mostrar o quanto o trabalho dos agentes de saúde é importante para a sociedade

Glória busca mostrar o quanto o trabalho dos agentes de saúde é importante para a sociedade

Fotógrafo: Raíza Ribeiro

Fechar
imageO tutor Lucas Justino (ao centro) propõe que agentes se coloquem no lugar dos usuários do SUS

O tutor Lucas Justino (ao centro) propõe que agentes se coloquem no lugar dos usuários do SUS

Fotógrafo: Raíza Ribeiro

Fechar
imageA proposta objetiva a troca de práticas e saberes populares e técnico-científico

A proposta objetiva a troca de práticas e saberes populares e técnico-científico

Fotógrafo: Raíza Ribeiro

Fechar

Redação Semus

 

A Educação Popular em Saúde (EPS) está mudando o trabalho dos Agentes Comunitários de Saúde (ACS) da região Norte de Palmas. Diálogo, construção compartilhada do conhecimento aliada a técnicas de teatro estão servindo como ferramentas para a capacitação de cerca de 70 agentes da Capital que acontecem em encontros semanais dentro do Plano Municipal de Educação Permanente em Saúde (Pemeps).

 

 

O objetivo é promover a troca de práticas e saberes populares e técnico-científico, aproximando os sujeitos da gestão, dos serviços de saúde, dos movimentos sociais e das práticas populares de cuidado. “É uma ferramenta muito leve porque trabalha com dinâmica, teatro, musicalidade e eles conseguem aprender de uma forma muito mais fácil. A proposta é que eles consigam perceber o quanto a profissão deles é importante, fazendo educação popular em saúde”, explicou a coordenadora do Núcleo de Educação Permanente da Fundação Escola de Saúde Pública de Palmas (Fesp), Glória de Paula.

 

 

De acordo com o tutor da capacitação, Lucas Justino, neste semestre o trabalho foi centralizado nessa temática porque a educação popular é a principal linha de trabalho dos agentes. “As encenações partem de problemas reais vividos por eles, são situações de opressão que eles sofreram com atendimentos, ou que viram dentro da unidade de saúde, então faz com que eles vejam o outro lado da moeda, e tentem buscar soluções”, destacou o tutor.

 

 

Durante as aulas, os agentes ainda puderam compartilham experiências vividas em campo, que servirão de base para o enfrentamento de situações de conflito. “Estamos aprendendo a conversar e dialogar de uma outra forma, entrar dentro da casa das pessoas e poder ter um aproximação com os usuários da rede no dia a dia, para aprimorar e fazer um trabalho melhor, sempre é bom ter essas capacitações”, ressaltou o agente de saúde, Chanceler Batista.

 

 

Educação Popular no SUS

 

 

A Política Nacional de Educação Popular em Saúde no SUS (PNEPS-SUS) foi instituída em novembro de 2013 com o objetivo de implementar a Educação Popular em Saúde no SUS, contribuindo com participação popular, controle social, formação e as práticas educativas em saúde.

 

 


Portal do Contribuinte

Aqui você encontra os serviços on-line disponibilizados pela prefeitura.

Nota Quente

Programa de incentivo à emissão de notas fiscais gerando crédito para concorrer a prêmios.

Utilidade pública

Este espaço facilita o acesso do cidadão aos serviços prestados pelo município.

Servidor

Canal destinado à assuntos dedicados ao servidor público municipal.

Concursos

Canal destinado à concursos realizados pela Prefeitura de Palmas.

Turista

Conheça Palmas. Seus pontos turísticos, sua diversidade e eventos você encontra aqui.

PROJETOS E AÇÕES

+ PROJETOS E AÇÕES