CATEGORIAS

BLOG DE NOTICIAS

Apresentação circense reúne idosos, crianças e adolescentes no Centro de Convivência da Maturidade

16 de October de 2014 às 11:00min | Sedes, CCM

Inês Theodoro

Antônio Gonçalves

Cerca de 60 pessoas entre idosos, crianças e adolescentes aguardavam ansiosos na tarde dessa quarta-feira, 15, pela apresentação do espetáculo do grupo circense “Os Kaco”, no Centro de Convivência da Maturidade (CCM) em Palmas.  Contagiados pelo espetáculo com a apresentação de palhaços, acrobatas, malabares e dançarinas. Os artistas  arrancavam risos e  aplausos nos momentos inusitados de suspense, surpresas e muita magia.  Toda ação foi promovida pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (Sedes), através da Diretoria de Proteção Básica, em parceria com o grupo. 

 

As acadêmicas do oitavo período de pedagogia do  Instituto Tocantinense de Pós-Graduação - ITOP destacaram que o  evento  faz  parte de um projeto intitulado: “Cultura e Diversão na Maturidade”, desenvolvido para o grupo de idosos do Centro de Convivência da Maturidade – CCM e dos Centros de Referências de Assistência Social  (CRAS).

 

Emocionada pelo calor do espetáculo, a aposentada Irene Dantas, de 86 anos, revelou sua fascinação pelo circo e o respeito pelos artistas circenses. ”Hoje voltei a um passado distante. Voltei a relembrar e a viver momentos de minha infância, quando meus pais me levavam ao circo. Foram momentos únicos que guardo em minha memória. É pena que esses artistas, que tanto contribuem para levar um pouco mais de alegria aos corações das pessoas e que vivem a filosofia do circo em prol da valorização da comunidade, que  muitas vezes são desfavorecidas de referências culturais, estejam aos poucos desaparecendo e perdendo espaço nesse mundo”, desabafa.

 

Projeto de Circo Social

A “Cia Os Kaco” é uma companhia que tem, em seu escopo de trabalho, espetáculos e números com foco em apresentações nos espaços públicos  de ruas, praças, feiras, parques e outros. Oferece serviços na área de circo e teatro de rua, cursos e oficinas de técnicas circenses e de construção de equipamentos.

 

Fundada em 2009 na cidade de Goiânia pelos artistas Kadu Olivie e Jairo Molina, e atualmente com uma equipe fixa de 4 pessoas. Marcela Pultrini (Produtora Cultural) e Bruno Kalss (Cientista Social) se definem como uma organização circense social, por não visar apenas à produção da arte como um fim, mas como uma ferramenta de conscientização e valoração sociocultural, educativa e ambiental.

 

“Desde julho de 2013 resolvemos fincar nossas raízes em Taquaruçu, onde atuamos  com um Projeto de Circo Social com atividades semanais de educação em artes circenses, trabalhando ensino-aprendizagem como forma de transformação sociocultural, formando cidadãos e artistas pela região. Cerca de 40 crianças participam de nossas oficinas", enfatiza Marcela Pultrini.

 

"O intuito é proporcionar a essas crianças o acesso a bens culturais, como o circo, a música, educação básica e educação ambiental.  Assim se tornarão pessoas mais centradas e objetivas, no entanto buscando através do circo de forma lúdica uma melhor expressão, interação e percepção,” destaca Bruno Kalss.

 


Voltar