CATEGORIAS

BLOG DE NOTICIAS

Projeto de feira itinerante valoriza empoderamento feminino

07 de April de 2019 às 09:51min | Emprego e Renda, Microempreendedor, Feiras

A próxima edição da feira está marcada para acontecer no próximo dia 20 de abril das 17 às 22 horas em local a ser confirmado

Juliana Matos

Edu Fortes

Feira das Manas levou ao Parque Cesamar, neste sábado, 06, trabalho de mulheres que querem seu trabalho reconhecido em Palmas

O Parque Cesamar, em Palmas, recebeu neste sábado, 06, a Feira das Manas, feira itinerante formada por mulheres que se uniram para desenvolver o empreendedorismo solidário e o empoderamento feminino. Os visitantes do parque gostaram da variedade de produtos expostos. De artesanato, roupas, maquiagem, bijuterias, bolos, pães, geleias a sabonetes e aromatizantes artesanais.



“Eu não conhecia. Gostei muito de tudo que vi. Fiz umas comprinhas, planejo encomendar também. Essa ideia da feirinha valoriza muito o trabalho. Eu também faço algumas coisas em casa para vender e por isso me chamou a atenção”, disse a aposentada Maria de Lourdes Pereira Dias.


A ideia surgiu dentro de um grupo de mulheres que divulgavam entre si os produtos e que se dedicavam para uma renda alternativa. A ideia de se reunirem para mostrar à cidade seu potencial ganhou o papel, foi apresentada à Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Emprego (Sedem) e, devidamente autorizada, passou a existir como um evento itinerante.


“Nossa ideia é levar nossos produtos e nossa cultura para toda Palmas. Não queremos ficar conhecidas em um lugar só. Queremos que o mundo nos conheça. Esse é um trabalho de empoderamento de tirar a mulher de casa e botar a mulher na rua para mostrar o que ela sabe fazer”, afirmou Renata Eckart, empreendedora.


Segundo a organização, a feira tem colaborado para divulgação dos trabalhos das manas e gerado encomendas pós-feira. Já são 50 mulheres que participam da feira. Para crescer, a Feira das Manas pretende manter a organização com regularidade quinzenal, capacitar o grupo e continuar com a divulgação dos trabalhos também pelas redes sociais. Atualmente, uma lista de espera de 70 mulheres já aguarda uma oportunidade de participar da feira.


Economia Solidária

A cada edição, organizações não governamentais (ONG) são convidadas a reforçar o evento. Nesta edição, o Centro de Direitos Humanos (CDH) de Palmas esteve presente comercializando biojoias feitas com conchas, capim dourado e sementes. A coordenadora do projeto Mulheres e Economia Solidária do CDH, Maria Vanir Ilídio, reforçou que a Feira das Manas é uma alternativa oportuna para driblar o desemprego e oportunizar geração de renda e independência das mulheres. A coordenadora enfatizou ainda que o CDH tem interesse em colaborar com a capacitação das mulheres da feira itinerante.


O superintendente de Indústria, Comércio e Serviços da Sedem, Raimundo Cavalcante Júnior, explicou ainda que o formato itinerante da feira vai além da atividade econômica solidária pois expõe um diferencial que valoriza a ocupação de espaços públicos, alcança um público diversificado.


A próxima edição da feira está marcada para acontecer no próximo dia 20 de abril das 17 às 22 horas em local a ser confirmado. Até lá, os produtos comercializados na feira também ser conhecidos pelas redes sociais com a #feiradasmanaspmw ou no perfil do Instagram @feiradasmanas.pmw .


Voltar