CATEGORIAS

BLOG DE NOTICIAS

Pinturas abstratas estimulam a imaginação na Galeria Municipal de Artes

19 de November de 2015 às 17:13min | Cultura, Promic

Redação FCP

Camila Soares

O abstracionismo das telas do artista Antônio Netto ocupa a Galeria Municipal de Artes e destaca o dinamismo da relação do homem com o espaço. Com 30 obras em acrílico sobre tela, a exposição “Território Imaginário – Ocupações”, inaugurada nessa quarta-feira, 18, segue até o dia 18 de dezembro para apreciação.


“São obras primorosas! E eu já viajei em cada território dessa exposição. Estou viajando, entrando em cada portinha, janelinha, labirinto das obras. Lindíssimas! A exposição está maravilhosa! Você olha, observa e interage com a própria obra”, disse a professora de artes, Heloísa Sobreira.


A interação do público com as obras foi um propósito do artista. “No ‘Território Imaginário’ realmente eu abri muitas portas. Ela é concreta, mas ao mesmo tempo deixa você perpassar, você entra... você sai... ela tem esse movimento”, disse.


As obras que são marcadas pela geometria e cor, segundo, Antônio Netto, são um reflexo da Capital. Durante o processo criativo, “eu pensava em mim, no meu diálogo com o espaço, com o todo. Palmas te dá essa possibilidade. Ela é cheia de espaços, tem uma repetição absurda de formas geométricas, que é uma afirmação da cidade, da nova cidade, do novo eldorado, a cidade dos sonhos onde várias pessoas vieram, onde eu vim para passar dois meses e estou há 20 anos”.


Este projeto é resultado do prêmio do Programa Municipal de Incentivo à Cultura – Promic 2014, da Fundação Cultural de Palmas (FCP), com recursos do Fundo Municipal de Apoio à Cultura. Do Promic 2014, foram 13 projetos aprovados. Dez deles já foram realizados.


O servidor da Diretoria de Difusão Cultural da FCP, Cícero Belém, representando a presidente Eliane Campos, falou sobre o Programa. “Nós o avaliamos como um processo extremamente positivo em que se observa que a cadeia produtiva da cultura, da arte, das diferentes linguagens artísticas do município estão sendo potencializadas e estão em evidência. O incentivo do Promic está sendo fundamental para que essa cadeia produtiva se mantenha ativa. É um programa que toma fôlego para sua continuidade e o munícipio só tende a aperfeiçoá-lo a partir de então”, afirmou.


Voltar