CATEGORIAS

BLOG DE NOTICIAS

Órgão municipal é inaugurado e aprimora gestão de serviços de Tecnologia da Informação

22 de January de 2018 às 13:24min | Tecnologia da Informação

Agência está situada à Quadra ACSU-SE 50, ao fundo do Prédio Buriti e do Fórum de Palmas

Juliana Matos

Júnior Suzuki

Inauguração foi precedida de transmissão de cargo da prefeita em exercício, Cinthia Ribeiro, para o retorno de Amastha, então licenciado

Após reassumir o cargo de chefe do Executivo Municipal, o prefeito Carlos Amastha inaugurou, nesta segunda-feira, 22, a Agência de Tecnologia da Informação de Palmas (Agtec), autarquia que vai concentrar todas as soluções tecnológicas do município. O órgão já está apto a gerir R$ 50 milhões obtidos por meio de linhas de crédito aprovadas no BNDES exclusivamente para tecnologia, tanto compra de equipamentos como serviços de Tecnologia da Informação (TI). 

 

 

Antes de cumprir agenda de reuniões interna, Amastha, acompanhado de seu secretariado, conheceu instalações da agência e o Data Center da Agtec, que já tem sede própria e corpo técnico definidos.

 

 

“A criação desta agência vai nos permitir concentrar tecnologia. A unificação de processos vai facilitar a gestão e a vida da população. Além disso, vai colaborar para o avanço do nosso município através da consolidação de processos importantes para a implementação de ferramentas estratégicas que tornarão Palmas um referencial para outras cidades e caberá a esta agência nos preparar para esta evolução”, afirmou Amastha.

 

 

“Esta agência foi muito sonhada. Foi algo que nas visitas que o prefeito pôde fazer pela Frente Nacional dos Prefeitos (FNP) nos demonstrou o quão importante é investir e aprimorar nosso modelo de gestão de excelência para que a gente tenha transversalidade nas ações e otimização de processos”, avaliou a vice-prefeita Cínthia Ribeiro.

 

 

Agtec

 

A agência nasceu a partir da Diretoria de Tecnologia de Informação (DTI) da Secretaria Municipal de Finanças com a missão de concentrar pessoal e recursos técnicos especializados para a gestão e desenvolvimento de ferramentas tecnológicas da informação (TI).

 

 

Segundo o diretor de Tecnologia da Informação, Welinton Alves de Sá, a concentração de tecnologia na Agtec busca uma padronização, mais agilidade em processos e a desburocratização da gestão pública. “Também vai criar uma plataforma de infraestrutura visando ao trabalho de Smart Cities  para que num futuro próximo possamos trazer soluções para as pontas, levando serviços de tecnologia gratuitos para a população. Isso vai significar aplicativos gratuitos que liguem os serviços municipais facilmente à população, assim como pontos de wifi gratuita em praças e outros tipos de espaços públicos”, detalhou Alves de Sá.

 

 

A Agtec foi criada através da Medida Provisória nº 01/2018, publicada no Diário Oficial do Município (DOM) de 2 de janeiro de 2018. A sede própria da agência fica situada à Quadra ACSU-SE 50, ao fundo do Prédio Buriti e do Fórum de Palmas.

 

 

Retransmissão

 

 

Cínthia Ribeiro retorna à chefia da gestão de Palmas nesta terça-feira, 23. Enquanto isso, Amastha cumpre agenda de reuniões com secretários e equipes técnicas. A partir de amanhã, 23, Amastha retoma agenda à frente da FNP, onde já desempenhava funções de primeiro vice-presidente da frente, que representa os municípios brasileiros que concentram 65% do Produto Interno Bruto (PIB) nacional.

 

 

“A profundidade da agenda da FNP está sendo precedida pela referência que Palmas já é fora daqui. Palmas está alavancando a FNP graças ao comprometimento com que estamos construindo nossa cidade melhor a cada dia”, frisou Carlos Amastha.

 

 

Entre os últimos compromissos da FNP que o prefeito citou como bom resultado, inclusive para Palmas, está a discussão de um convênio guarda-chuva com o Instituto Nacional de Seguridade Nacional (INSS) e que possibilitará às prefeituras de todo o País realizarem a abertura de processos e garantir a trabalhadores que residem longe de sedes do INSS a chance de darem entrada em pedidos de aposentadoria e outros benefícios sem o transtorno de grandes deslocamentos.

 

 

 

 

 

(Edição/postagem: Iara Cruz)


Voltar