Boletim Coronavírus (Covid-19): Palmas confirma 11 casos em um dia e chega a 48 positivos

Secretaria da Saúde

Autor: Redação Semus | Publicado em 28 de abril de 2020 às 22:23

Criança de cinco anos é a paciente mais jovem positivada para Covid-19

 

Nesta terça-feira, 28, a Capital registrou 11 casos positivos de Covid-19, sendo o maior número de confirmações em um dia desde o início da pandemia. Com isso, já somam 48 casos confirmados em Palmas, 545 descartados e 1.513 notificações com síndromes gripais. As informações são do Centro de Operações de Emergência em Saúde (COE Palmas Covid-19), que atualiza e divulga os dados sobre a pandemia, diariamente, no Boletim Epidemiológico de Palmas.

 

 

Segundo a Vigilância Epidemiológica da Semus, a Capital apresenta um crescente número de casos confirmados de Covid-19. O primeiro foi registrado no dia 18 de março, sendo que após 17 dias já somavam 10 confirmações. Nos últimos três dias foram diagnosticados 18 pacientes com a doença.

 

 

Veja o Boletim completo.

 

 

O cenário da pandemia pode ser conferido em tempo real no Painel Epidemiológico Covid-19 neste link.

 

 

Perfil dos casos

 

 

Entre os 11 novos casos confirmados, está uma (01) criança do sexo feminino com 5 anos de idade, dois (02) homens com idade entre 20 e 29 anos, uma (01) mulher entre 30 e 39 anos, três (03) mulheres entre 40 e 49 anos, uma (01) mulher entre 50 e 59 anos, dois (02) homens entre 50 e 59 anos e um (01) homem entre 60 e 69 anos.

  

 

Estado de saúde

 

 

Dos 48 casos confirmados, 32 encontram-se em isolamento domiciliar e 11 estão recuperados. Quatro pessoas estão internadas em Palmas, três delas em serviço hospitalar público e a outra em um hospital particular, sendo que três apresentam quadro estável de saúde e a outra pessoa encontra-se em estado grave, segundo os boletins médicos divulgados nesta terça-feira, 28. A Capital registrou um óbito por Covid-19 até o momento.

 

 

Formas de contágio

 

Quanto ao modo de contaminação, dos 48 casos positivos, seis (06) tiveram provável fonte de infecção na transmissão comunitária, cinco (05) contraíram o vírus no exterior, 11 em outros estados brasileiros, 20 foram infectados após contato com casos confirmados de Palmas e seis (06) estão em investigação epidemiológica.

 

 

Transmissão comunitária

 

 

De acordo com a Vigilância Epidemiológica, a transmissão comunitária é uma realidade em Palmas e isso requer mais cuidados em relação às medidas de restrição de deslocamento, distanciamento social e higiene pessoal. O perfil de transmissão da doença mudou na Capital, não se limitando aos viajantes. Portanto, a transmissão pode ocorrer em qualquer local da cidade, como espaços públicos, comércio ou ambientes fechados.

 

 

Diante da situação de transmissão comunitária, o Ministério da Saúde recomenda que sejam adotadas uma série de medidas para evitar a propagação do novo coronavírus, como reduzir o caminho dos trabalhadores até o trabalho, incentivar a realização de reuniões virtuais, cancelar viagens não essenciais e priorizar o trabalho remoto. Além disso, é importante reduzir o fluxo urbano, suspender aulas ou antecipar as férias escolares, restringir a circulação de grupos de riscos (idoso, doentes crônicos, etc), cancelar ou adiar eventos públicos e de massa. Essas e outros medidas foram adotadas em Palmas antes mesmo da constatação da transmissão comunitária e isso é um fator que pode explicar o relativo controle da pandemia na Capital, se comparado a outras cidades e regiões do Brasil e do mundo.

 

 

Cenário no Brasil

 

 

De acordo com o Ministério da Saúde, até as 17h50 desta terça-feira, 28, o Brasil somava 71.886 casos de Covid-19, com 5.017 óbitos, revelando o índice de letalidade de 7,0% dos casos confirmados. Todos os estados brasileiros possuem casos confirmados óbitos em decorrência da doença.

 

 

Saiba mais

 

 

Covid-19: uso de máscara aumenta a proteção da população e ajuda diminuir o contágio por coronavírus

 

Profissionais de saúde recebem capacitação sobre o suporte avançado de atendimento ao paciente com Covid-19

 

Prefeituraemite nota de recomendação as empresas que operam o transporte privado depassageiros e o transporte de mercadorias por plataformas digitais