Boletim coronavírus (Covid-19): Palmas confirma 66 novos diagnósticos para novo coronavírus e conta com 1.057 casos confirmados

Secretaria da Saúde

Autor: Redação Semus | Publicado em 16 de junho de 2020 às 20:08

Na Capital, 619 pessoas estão recuperadas da doença e 415 cumprem isolamento domiciliar


Palmas chega a 1.057 casos acumulados da doença após 94 dias de monitoramento pela Vigilância Epidemiológica nesta terça-feira, 16, quando foram confirmados 66 novos casos de Covid-19. É o maior número de casos em um único dia desde o início da pandemia. Atualizado pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde (CIEVS), o Boletim Epidemiológico informa que até as 12 horas, a Capital soma 8.643 notificações para síndrome gripal (SG), das quais 3.805 casos foram descartados para o novo coronavírus.

 


Do total de casos acumulados de coronavírus na Capital, 619 (58,6%) pessoas estão recuperadas. O número de pacientes em tratamento é inferior ao total de casos de quem não convive mais com o vírus: são 415 (39,3%) pessoas em isolamento domiciliar e 11 (1%) internados. Palmas soma 12 óbitos e a taxa de letalidade palmense é de 1,1%. Dos 1.057 casos, 229 possuem comorbidades declaradas e 85 possuem fatores de risco declarados.

 


Com relação ao total de casos confirmados nesta terça, a Vigilância Epidemiológica explica que 14 possuem comorbidades e três possuem fatores de risco, ambos declarados. Sobre a situação dos pacientes, o Boletim ressalta que 65 cumprem isolamento domiciliar e um está internado. Já a respeito da possível fonte de contágio, sete tiveram contato com caso confirmado em Palmas, 22 podem ter se contaminado por transmissão comunitária e 37 casos estão em investigação epidemiológica.

 


A Vigilância Epidemiológica reforça que o total de casos confirmados estão divergentes com o Boletim Estadual porque a Secretaria Estadual de Saúde (SES) não contabiliza o resultado de testes da pesquisa de rastreio da Fundação Escola de Saúde (Fesp).

 


Testagem

 


Na última rotina de testes laboratoriais para diagnóstico e rastreio da doença nesta segunda-feira, 15, 440 testes foram realizados em Palmas. A respeito da testagem de rastreio, a ação faz parte de uma pesquisa por amostragem da Fundação Escola de Saúde (Fesp) para testar pessoas assintomáticas ou sintomáticas leves para identificar a proporção da população de Palmas que esteve ou está infectada pelo coronavírus, avaliar o avanço da doença e o cumprimento das medidas de prevenção.

 


Para diagnóstico, o Laboratório Central do Estado (Lacen-TO) testou 46 pessoas e 16 tiveram diagnóstico confirmado para a doença. O Laboratório Municipal de Palmas testou 82 pessoas, 38 tiveram diagnóstico positivo. A rede privada realizou 12 testes e todos tiveram diagnóstico confirmado. Já em relação aos testes de rastreio da Covid-19, foram realizados 300 testes em residentes de Palmas também pelo Laboratório Municipal.

 


Situação de saúde

 


Sobre o estado de saúde dos 11 pacientes residentes de Palmas internados no Município, o Boletim mostra que sete são estáveis e quatro são graves. Com suspeita da doença, há cinco pacientes residentes da Capital internados, sendo três graves e dois estáveis. A respeito de pacientes de outras localidades, o Boletim também aponta que 20 pacientes de outros estados ou municípios internados com a doença na cidade, dos quais 12 são graves e oito estáveis. Com suspeita da doença, o Boletim soma sete pacientes de outros locais, sendo quatro graves e três estáveis.

 


Leitos

 


De acordo com o Boletim, a taxa de ocupação hospitalar em Palmas é de 35,25%. A Capital conta com leitos clínicos e leitos de Unidades de Terapia Intensiva (UTI) destinados para o tratamento da Covid-19. A taxa de ocupação de leitos clínicos públicos e privados em Palmas é de 26,03%. Há 45 leitos clínicos públicos e privados exclusivos para Covid-19, sendo que 35 estão desocupados e dez estão ocupados. Já a taxa de ocupação de leitos de UTI é de 48,98%. Existem 77 leitos de UTI para tratar Covid-19 em Palmas, sendo que 44 estão disponíveis e 33 estão ocupados.

 


Contágio

 


Sobre as possíveis fontes de contágio dos casos acumulados, 503 (47,6%) se contaminaram por forma comunitária, 382 (36,1%) tiveram contato com casos confirmados em Palmas, 78 (7,4%) se contaminaram após viagem para outros estados, 47 (4,4%) viajaram para o interior do Tocantins, 40 (3,8%) estão em investigação epidemiológica e sete (0,7%) estiveram em viagem para o exterior.

 


Situação nacional

 


Informações do Ministério da Saúde mostram que até às 18h30 desta segunda-feira, 15, o Brasil apresentava 888.271 casos de Covid-19, sendo que o aumento do dia 20.647 casos da doença. Em relação ao número de mortes, o país soma 43.959 casos, sendo que o aumento do dia é de 627 óbitos. A taxa de letalidade brasileira é de 4,9% dos casos confirmados.

 


A evolução sobre a pandemia também pode ser acompanhada no site Plantão Coronavírus de Palmas. 

 

Acesse o Boletim  


Saiba mais

 


Em meio à crise da Covid-19, contribuinte palmense ganha novo prazo parapagamento do IPTU 2020 


Em Palmas, programação de limpeza e manutenções de vias e equipamentossão revisadas diariamente



Secretaria da Saúde de Palmas recebe doação de 190 máscaras acrílicaspara profissionais da área