Campanha "Faça Bonito" contra violência sexual realiza caminhada na região Sul de Palmas

Secretaria Municipal de Políticas Sociais e Igualdade Racial

Autor: Ascom Sempsir | Publicado em 17 de maio de 2024 às 14:12

Ação visou alertar e conscientizar a população sobre casos de violência sexual de crianças e adolescentes

A Secretaria de Políticas Sociais e Igualdade Racial (Sempsir), através de parceria com o Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas) e do Conselho Tutelar, realizaram nesta sexta-feira, 17, mobilização e conscientização em Taquaralto, Sul de Palmas, em prol do Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, instituído no dia 18 de maio. A ação faz parte da campanha Maio Laranja, que também tem como objetivo conscientizar e orientar a população sobre esta temática.

 

A campanha denominada "Faça Bonito" organizou uma caminhada pela Avenida Tocantins com minitrio e distribuição de panfletos informacionais aos cidadãos e lojistas presentes. “Devemos estar alertas aos sinais que as crianças e adolescentes nos dão para perceber se eles estão vivenciando situação de violência e exploração sexual. É nosso dever enquanto cidadãos proteger nossos pequenos e denunciar os agressores”, destacou a gestora da Sempsir, Cleizenir dos Santos.

 

A frentista Jessica Batista, de 29 anos, acompanhou a ação e declarou apoio a iniciativa. Ela afirmou que é necessário que a mobilização se estenda também a escolas e creches, para que a sociedade, sobretudo os jovens, tenham ciência de que existe suporte para casos como os que a campanha visa combater. 

 

Além da caminhada desta sexta-feira, a programação do Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e adolescentes incluiu  palestras de conscientização sobre o Maio Laranja realizadas pelas unidades dos Centros de Referência de Assistência Social (Cras) e pelo Conselho Tutelar de Palmas. A Sempsir também participou do Seminário A atenção e o cuidado às crianças e adolescentes em situação de violência sexual: desafios e perspectivas para a implementação da Lei 13.431/2017, nesta sexta-feira, 17, sob organização do Ministério Público do Estado do Tocantins (MPE-TO).