Captação de recursos e fontes de financiamento para projetos são discutidos no IVM

Instituto 20 de Maio de Ensino, Ciência e Tecnologia

Autor: Marcio Greick | Publicado em 31 de março de 2022 às 15:06

Evento faz parte das atividades do curso de Gestão de Projetos e Captação de Recursos e contou com a participação do secretário Extraordinário de Assuntos Estratégicos, Captação de Recursos e Energias Sustentáveis, Thiago Dourado

As melhores práticas para captação de recursos, fontes de financiamento, instituições financeiras disponíveis para apoio a projetos públicos e o papel das secretarias enquanto órgão central de captação de recursos e energias sustentáveis foram assuntos discutidos em uma mesa redonda realizada nesta quinta-feira, 31, no Instituto 20 de Maio de Ensino, Ciência e Tecnologia (IVM). A programação faz parte das atividades do curso de Gestão de Projetos e Captação de Recursos, iniciado no último dia 21 e promovido pelo IVM, e contou com a participação do secretário Extraordinário de Assuntos Estratégicos, Captação de Recursos e Energias Sustentáveis, Thiago Dourado.

Durante o bate-papo com os alunos do curso, o secretário tirou dúvidas, apresentou cenários, deu exemplo de empresas que tiveram êxito na execução de projetos no Tocantins e outros estados brasileiros. Falou ainda das dificuldades encontradas durante a elaboração de projetos, o foco de interesses, e o que deve ser melhorado dentro dos projetos.

De acordo com Dourado, Palmas é uma cidade com capacidade extraordinária para execução de projetos em diversas áreas, tais como: mobilidade urbana, digitalização, empreendedorismo, governança, compliance, tendo, inclusive, recebido o título de ‘Cidade Inteligente’. “O Ranking connected Smart Cities, plataforma sobre discussão e negócios sobre cidades inteligentes, concedeu a Palmas a primeira colocação entre as cidades da região Norte do País”, destacou.

 

Curso

Com aproximadamente 30 alunos inscritos, o curso de Gestão de Projetos e Captação de Recursos tem carga horária de 40 horas e será concluído nesta sexta, 1º de abril. A qualificação conta com a participação de servidores da Prefeitura de Palmas e de outros órgãos parceiros, como é o caso da jornalista e diretora de Comunicação na Defensoria Pública do Estado do Tocantins, Cléo Oliveira. “A equipe de Comunicação da Defensoria Pública atua como colaboradora nos projetos desenvolvidos na instituição e também desenvolve seus próprios projetos. Foi por isso que nos interessamos pelo curso, para que possamos nos qualificar em uma área que não é da nossa formação, mas que pode agregar ao nosso trabalho”, ressaltou.

De acordo com a instrutora Else Betânia Rocha, que é mestra em Gestão de Políticas Públicas e servidora do Município, o curso teve uma participação proativa dos alunos e um excelente aproveitamento nas disciplinas ministradas", disse.