Centro de Saúde contabiliza ganhos com implantação da Residência

Fundação Escola de Saúde Pública

Autor: Redação Fesp | Publicado em 04 de março de 2020 às 11:34

Programa levou grande contribuição às comunidades

A comunidade que é atendida pelos profissionais do Centro de Saúde da Comunidade (CSC) José Hermes Damaso, localizado no setor Sul, região Sul de Palmas, se juntou aos trabalhadores da unidade na tarde desta última terça-feira, 03, para comemorar um ano da atuação dos residentes em saúde na região.

 

A agente comunitária, Neusa Elisa, que já trabalha na rede de saúde de Palmas há mais de vinte anos, lembra quando os primeiros residentes chegaram na unidade. Neusa conta que no início todos ficaram com o ‘pé atrás’, inclusive os usuários. “Eles pareciam ser muito novinhos, a grande maioria recém formados. Nós éramos acostumados a trabalhar com os profissionais veteranos, por isso o nosso receio. Mas com o passar do tempo, eles nos mostraram que eram muito bons, preocupados, dispostos a fazer a diferença para a comunidade. Chegaram aqui cheios de energia, dispostos a aprender e também a fazer o melhor. É muito diferente a forma que eles atendem, são atenciosos, se preocupam com o bem estar do paciente, investigam as queixas, avaliam a pessoa de forma integral”, relata.

 

O assistente social e residente em Saúde Coletiva, Gilberto Ferreira, relembra que no começo sentia o misto de euforia e muita vontade de acertar. “Quando iniciamos e nos deparamos com os usuários do SUS precisando do nosso trabalho, foi muito gratificante sentir que íamos ajudar de alguma forma. Além do conhecimento que estamos adquirindo, ajudar a população, principalmente desta região, que na sua maioria depende do SUS, traz muita satisfação. Acompanhar de perto as mudanças de hábitos das pessoas, observando que eles estão melhorando a alimentação, cuidando da saúde física e mental, cuidando de fato, melhor da saúde e um ganho muito saudável para o residente”, conta, dizendo que continua bastante motivado.

 

Também com mais de 20 anos de serviços prestados à saúde de Palmas, a odontóloga e preceptora da residência no CSC José Hermes Damaso, Elma Pereira Carneiro, contabiliza os avanços e conquistas que a unidade ganhou com a entrada da residência na rotina de trabalho do Centro de Saúde. “Fui a primeira dentista desta unidade, então já conhecia bem as demandas daqui. Com a residência houve uma significativa melhora no acesso da população aos serviços oferecidos na unidade. Com apoio dos residentes, ofertamos atendimentos com nutricionistas, psicólogos, fisioterapeutas, farmacêuticos, educadores físicos, assistente sociais, além das demais áreas, como a medicina, odontologia e enfermagem. Isso é muito importante porque você acaba atendendo de forma integral o paciente”, pontua a preceptora.

 

Durante a apresentação das atividades realizadas em 2019 na unidade, o coordenador do CSC, Irineu Santos, destacou a contribuição que a residência trouxe para a comunidade. “Ampliamos os serviços e a comunidade sentiu a diferença. A soma da força dos nossos residentes e dos profissionais que já atuam na unidade mudou nosso cotidiano. O serviço associado a oportunidade de formação dentro do Sistema Único de Saúde (SUS) nos ajudou nos atendimentos à população, o que contribuiu para  resolver o máximo de problemas dentro da própria unidade, deixando de encaminhar os pacientes para as Unidades de Pronto Atendimentos (Upas) e hospitais”, avaliou o coordenador.