Ciclo de palestras aborda inteligência emocional e gestão pública

Instituto 20 de Maio de Ensino, Ciência e Tecnologia

Autor: Redação IVM | Publicado em 28 de junho de 2019 às 09:13

Temas foram tratados na programação dessa quinta-feira, 28

Quem participou das palestras realizadas na tarde desta quinta-feira, 27, no Instituto 20 de Maio de Ensino, Ciência e Tecnologia (IVM), teve a oportunidade de adquirir conhecimentos sobre gestão das emoções e planejamento e controle na gestão pública. Os assuntos foram abordados na programação do 1º Ciclo de Palestras e Oficinas do IVM, que será encerrado nesta sexta-feira, 28.

 

No primeiro momento, com o tema Inteligência emocional e motivação, o sociólogo e coach José Filadelfo Silva trabalhou conceitos de inteligência emocional (uso inteligente das emoções) para explicar que pessoas inteligentes emocionalmente trabalham as emoções a seu favor, usando-as como uma ajuda para ditar o comportamento e o raciocínio, de maneira a aperfeiçoar seus resultados. Também abordou conceitos de coaching, citando que, para a pessoa chegar ao estado desejado, é preciso ter foco e ação para alcançar resultados.

 

Para tanto, disse que é necessário ter disciplina, comprometimento, definir prioridades, alinhar valores, ter concentração e gestão do tempo, sair da zona de conforto, reprogramar seu ‘piloto automático’, e fazer algo diferente. As pessoas que se dão melhor na vida são aquelas que se conhecem ou procuram se conhecer e dominam suas emoções.

 

Para a agente de saúde Maria das Graças Sousa Silva, que participou da palestra inteligência emocional e motivação, a inteligência emocional é um meio de aprendizado e melhor interação com as pessoas. Ela conta que saiu da palestra disposta a motivar outras pessoas, sobretudo os colegas de trabalho a superarem as dificuldades e limitações.

 

Gestão pública

 

A segunda palestra do dia foi ministrada pelo gestor público Cleison Nunes, que é servidor municipal. O palestrante falou sobre o que os gestores municipais devem saber sobre planejamento e controle governamentais, destacando as principais dificuldades e os fatores importantes a serem adotados para que possam desempenhar uma boa gestão, a exemplo da Legislação aplicada à gestão; do planejamento governamental; dos procedimentos orçamentários, financeiros e patrimoniais para o encerramento de mandato; e da gestão e controle na administração municipal. Segundo Nunes, o objetivo da palestra foi estimular servidores e gestores públicos a entenderem as informações sobre as exigências constitucionais que devem ser observadas em suas respectivas gestões.

 

O agente de trânsito José Valadares, que também é gestor público, participou da palestra em busca de mais conhecimentos sobre orçamento e gestão para entender melhor como deve ser aplicado cada recurso, e uma forma mais prática de gerir o dinheiro público. Ele disse que saiu da palestra conhecendo melhor sobre as leis que são obrigatórias, a exemplo da Lei Orgânica, que cada secretaria deve ter, pois segundo informou, não tinha conhecimento, mas agora vai procurar colocar em prática na pasta onde trabalha.




Revisão e postagem: Iara Cruz