Cras Karajá I realiza encerramento do curso de Corte e Costura em parceria com a UFT

Secretaria Municipal do Desenvolvimento Social

Autor: Eliene Campelo/ Edição: Lorena Karlla | Publicado em 01 de julho de 2022 às 09:40

Sessenta mulheres participaram da capacitação gratuita ofertada no Cras

“Gratidão e transformação. Essas palavras resumem o que sinto hoje, pois descobri que sou capaz de aprender coisas novas. Aos 82 anos de vida eu me sinto feliz em estar  aqui”. Estas palavras fortes foram ditas pela dona de casa, Maria do Socorro Pires, uma das 60 mulheres a concluir nesta quinta-feira, 30, o curso de  Corte e Costura do projeto ‘Qualificação e Autonomia das Mulheres no Tocantins’ que foi ofertado em parceria com o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) Karajá I, no jardim Aureny III.

“É um dia muito especial, temos mulheres de todas as idades aqui e cada uma delas mostrou o quanto o curso foi valoroso e como mudou suas vidas. E eu desejo que elas continuem a buscar formas de realizar seus sonhos, seus objetivos”, destacou Simone Sandri, gestora da Secretaria Municipal do Desenvolvimento Social (Sedes).

A professora Maria Santana Milhomen, coordenadora do curso Qualifica Mulher no Tocantins, falou sobre a importância das parcerias para levar oportunidades às mulheres. “É sem dúvidas uma estratégia que tem dado certo, as parcerias entre a UFT e os Cras. Estamos com novas etapas do Qualifica Mulher em construção e iremos transformar a vida de muitas mulheres por meio de capacitações como essa”, informou.

Projeto

O projeto ‘Qualifica Mulher’ é desenvolvido pela Pró-Reitoria de Extensão, Cultura e Assuntos Comunitários (Proex), da Universidade Federal do Tocantins (UFT), em parceria com o Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos (MMFDH). Os cursos são gratuitos, atendem principalmente mulheres em situação de vulnerabilidade socioeconômica e contam também com o apoio da Prefeitura de Palmas.