CSC Loiane Moreno proporciona manhã de conhecimento sobre o uso do Ômega 3 a mais de 30 idosos

Secretaria da Saúde

Autor: Redação Semus | Publicado em 07 de maio de 2019 às 15:02

Atividade foi ao ar livre no Parque Cesamar, com direito a exercícios físicos e brincadeiras

Mais de 30 idosos saíram da rotina nesta terça, 07, e curtiram um momento de lazer e conhecimento no Parque Cesamar.  A atividade foi promovida pelo Centro de Saúde da Comunidade Loiane Moreno (Arse 24) e contou com palestra do farmacêutico Raphael Souza que abordou o tema ‘A importância do Ômega 3’.

 

A aposentada Ilda Alves Rodrigues, 64 anos, é participante assídua do grupo de idosos do CSC Loiane. “É muito bom ter essa interatividade com os demais, praticar exercícios, assistir palestras e adquirir mais conhecimento, porque a gente nunca sabe tudo”, disse.

 

Há alguns meses na Capital, morando com uma das filhas, a aposentada Amélia das Graças, 71 anos, precisou dos serviços do centro de saúde, onde foi convidada a participar desse encontro no Cesamar. “É a primeira vez participando e estou adorando, enquanto estiver aqui vou a todos os encontros”, disse Amélia que viaja no próximo mês para Belém (PA), mas retorna depois do Círio de Nazaré. “Quando voltar a Palmas, frequentarei novamente o grupo, achei uma maravilha, um cuidado muito valioso com os idosos”, conclui.

 

Sobre o Ômega 3, o farmacêutico Raphael ressaltou que o mesmo é importante não só na terceira idade mas em todos os momentos da vida. “O Ômega 3 desempenha diversas funções no nosso organismo, naturalmente a gente encontra ele na nossa alimentação diária, peixes de águas fundas, vegetais, oleaginosas. Só que atualmente é muito difícil a gente buscar e manter uma alimentação equilibrada para conseguir esses nutrientes em doses suficientes, então surge a necessidade da suplementação”, destacou lembrando que o nutriente tem ação anti-inflamatória. “A maioria das doenças crônicas tem início com uma ação de origem inflamatória, então o Ômega 3 entra como preventivo para tentar retardar ou até mesmo evitar a maioria dessas doenças crônicas”, complementou.

 

A enfermeira Carla Cristiana ressaltou que o CSC Loiane continuará proporcionando momentos assim para os idosos. “É muito gratificante ver essa interação entre eles, a disposição e a energia que eles têm em viver. E o que a gente quer é justamente promover a qualidade de vida deles, de forma a evitar doenças e aumentar a longevidade dessas pessoas”, concluiu Carla, agradecendo a parceria da Farmácia  BioVida, da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), salão Studio Sol e do Serginho Transporte Escolar.

 

 

Revisão e postagem: Iara Cruz