Duda Beat abre primeira noite de show da 15ª edição do PMW Rock Festival

Fundação Municipal da Infância e Juventude de Palmas

Autor: Redação Secom | Publicado em 14 de dezembro de 2019 às 09:18

Além da cantora pernambucana, outras quatro atrações regionais passaram pelo palco

Sucessos como ‘Tangerina’ e ‘Chega’ fizeram parte do repertório da grande atração nacional, Duda Beat, que iniciou a primeira noite da 15ª edição do PMW Rock Festival, nessa sexta-feira, 13. O festival acontece em Palmas até domingo, 15, no Centro de Convenções Arnaud Rodrigues e mais uma vez a Prefeitura de Palmas, por meio da Fundação Municipal da Infância e Juventude de Palmas (FIJP), é parceira desse evento que completa 15 anos de existência e que traz como tema ‘A preocupação com a depressão juvenil e suas sérias consequências’.

 

A cantora pernambucana subiu ao palco por volta de uma hora da manhã e o público que a aguardava não decepcionou, com os sucessos de suas letras das músicas na boca do povo, Duda Beat não mediu esforços para alegrar a noite da juventude palmense, que cantou junto e irradiou muita energia positiva ao público presente.

 

“Estou muito feliz de estar aqui hoje, com certeza foi um dos melhores shows que já fiz. Vi alguns burburinhos no Twitter, no Instagram, do pessoal querendo que eu viesse fazer meu show aqui e eu me surpreendi; público cheio de energia, muita gente animada, fizemos uma festa linda essa noite. Eu amei demais e já estou louca pra voltar”, afirma a artista.

 

Ansioso pela grande atração da noite, o fotógrafo Eduardo Lago, que já é participante do evento desde as duas últimas edições ficou impressionado com o show. “Foi extremamente animado porque ela é muito animada. Ela é uma artista completa e superou todas as minhas expectativas. Essa já é a minha terceira edição do PMW Rock Festival e para mim esse é um evento muito forte e importante. É um momento muito bom para juventude, é preciso ter mais eventos assim aqui em Palmas”.

 

Para o presidente da FIJP, João Pedro Claret, a realização de festivais como esse é importante para a valorização da juventude e para o destaque da nossa Capital no circuito cultural nacional. “Esses eventos fazem com que a nossa cidade se torne uma cidade mais diversificada e jovem, temos como objetivo fazer com que Palmas se diferencie no turismo musical do País e se torne referência no cenário musical nacional em termos de eventos como o PMW Rock Festival, em que em sua grande maioria conta com a presença da juventude”, explica o presidente.

 

Quem também curtiu todas as atrações de pertinho foi a estudante Tassila Paiva, de 18 anos. “É a primeira vez que participo e gostei muito, principalmente pelo fato de que festivais como estes atraem muitos visitantes para nossa cidade. São três noites de festa gerando entretenimento cheio de diversidade”, celebra a estudante.

 

Antes da apresentação da cantora Duda Beat, subiram ao palco as bandas regionais que abriram o show principal, Kanichi (TO), Boca de Cantora e os Piabas (TO), Mário Xará (TO), e Indxxr (TO).

  

Já a abertura dos shows ficou por conta do duo Kanichi com seu repertório indie. Os artistas iniciaram trabalho autoral quando perceberam que não gostavam de fazer cover. Segundo eles, a composição sempre foi uma ideia natural há algum tempo. Kanichi é feita do gosto pessoal de cada integrante, que varia desde música brasileira até a música eletrônica. “Nossa proposta é juntar o eletrônico com o orgânico, separando o beat da bateria eletrônica para deixar mais humano, natural”, afirma.