Equipe de Campo Grande visita Palmas pela segunda vez para conhecer sistema de informatização da Saúde

Secretaria da Saúde

Autor: Redação Semus | Publicado em 19 de fevereiro de 2019 às 18:39

 Sistemas ajudam a monitorar pacientes da rede básica e especializada de saúde da Capital  


A equipe de gestores em Tecnologia da Informação (TI) da Saúde de Campo Grande (MS) está em Palmas pela segunda vez com a proposta de conhecer os sistemas de informação aplicados à saúde da Capital. A reunião aconteceu na tarde desta terça-feira, 19, na sede da Secretaria de Saúde de Palmas (Semus) com o secretário anfitrião, Daniel Borini e o secretário da Saúde de Campo Grande, Marcelo Vilela.

 


A primeira visita ocorreu em setembro de 2018, quando a equipe pôde conhecer o projeto de implantação do sistema E-SUS (ferramenta do Ministério da Saúde) que atualmente é utilizada nos 34 Centros de Saúde da Comunidade, e todos os demais estabelecimentos de saúde que compõem a rede. Desta vez, foram apresentadas novas ferramentas criadas pela equipe de tecnologia da informação da saúde que atuam em paralelo ao E-SUS.

 


“Quando procuramos o Ministério da Saúde para implantação do E-SUS, Palmas foi dada como um referencial de cidade que conseguiu implantar o sistema com eficiência e 100% de cobertura. Agora nossa intenção é conhecer quais aplicações podem ser agregadas ao sistema do SUS que podem melhorar o desempenho e rotina de trabalho nos equipamentos de saúde”, explicou o coordenador geral de TI da secretaria de Saúde Campo, Hugo Luiz Vale.

 


Na oportunidade a equipe de tecnologia da Semus apresentou várias ferramentas usadas dentro do Portal da Saúde. “Temos no portal várias aplicações em uso e que estão em fase de desenvolvimento. Atualmente temos condições de monitorar pacientes de pelo menos 14 tipos de diferentes doenças graves. Isso é um grande avanço para que a rede possa se estruturar e oferecer uma melhor condição de atendimento para esses pacientes”, destacou o secretário de saúde de Palmas, Daniel Borini.

 

 

E-SUS em Palmas

 

 

Palmas é referência para o Brasil quando o assunto é informatização da rede municipal de saúde, sendo a única cidade a implantar o sistema em toda a rede.  O E-SUS permite que toda rede de atenção básica de saúde da cidade possa acompanhar o histórico de atendimento, os dados e o resultado de exames dos pacientes. Em Palmas além da rede de atenção básica existem ainda ferramentas que atendem a rede especializada de urgência e emergência. Os softwares são utilizados nas unidades de saúde em tempo real, online e com todas as unidades conectadas.