Famílias têm até outubro para atualizarem dados e evitar bloqueio do Auxílio Brasil

Secretaria Municipal do Desenvolvimento Social

Autor: Redação Sedes/ Edição: Lorena Karlla | Publicado em 12 de agosto de 2022 às 14:55

Verificação da situação cadastral pode ser feita através do aplicativo 'Cadastro Único'


Famílias com cadastro desatualizado desde 2016 ou 2017 do Programa Cadastro Único (CadÚnico) têm até o mês de outubro para fazer a atualização e evitar o bloqueio do benefício do Auxílio Brasil. Para evitar o cancelamento do Auxílio Brasil e da Tarifa Social de Energia Elétrica, a atualização deve ser feita até dezembro.

No caso das famílias em situação de averiguação cadastral, o prazo para atualizarem as informações e evitarem o bloqueio de benefícios a partir de setembro, termina nesta sexta-feira, 12. São consideradas em averiguação cadastral as famílias que possuem discordância entre dados preenchidos e o cruzamento de informações com outras fontes.

Para verificar se a situação cadastral se encontra em fase de Averiguação ou Revisão Cadastral basta acessar o aplicativo ‘Cadastro Único’. As alterações feitas pelo aplicativo serão validadas apenas após o responsável comparecer ao Centro de Referência em Assistência Social (Cras de sua região, para confirmar os dados com um entrevistador.

Caso não seja realizada nenhuma alteração nas informações, basta confirmar os dados pelo aplicativo.