Fundação da Juventude de Palmas ajusta requisitos na seleção ao Cartão do Estudante 2023

Fundação Municipal da Juventude de Palmas

Autor: Georgethe Pinheiro | Publicado em 24 de janeiro de 2023 às 14:33

Interessados poderão apresentar comprovante de conclusão do segundo semestre de 2022

Para garantir o acesso ao Processo Seletivo Simplificado – Cartão do Estudante 2023 a todos os acadêmicos de ensino superior ou de nível profissional técnico, integrado a rede federal tecnológica palmense, a Prefeitura da Capital, por meio da Fundação Municipal de Juventude de Palmas (FJP), permitiu que aqueles que não retornarem às aulas até o mês de fevereiro possam se inscrever apresentando o comprovante de conclusão do segundo semestre de 2022.

Porém, para garantir a participação no programa, o estudante contemplado nesta modalidade deve apresentar comprovante de matrícula atualizado para o primeiro semestre deste ano, na sede da FJP, no Parque Cesamar até o dia 13 de março, data em que todas as instituições já terão iniciado o ano letivo. “O não cumprimento desta etapa resultará no desligamento do beneficiário”, alerta o presidente da FJP, Nélio Nogueira Lopes.


O Programa
O Cartão do estudante 2023 é um programa por meio do qual estudantes de nível superior e médio tecnológico do Município de Palmas são beneficiados com vales-transportes, na modalidade créditos eletrônicos, para auxiliar nas despesas estudantis. Neste ano, estão sendo oferecidas 750 vagas, 200 a mais, se comparadas à edição de 2022.


Inscrições
As inscrições iniciaram nesta segunda-feira, 23, e seguem até o dia 6 de fevereiro, e serão realizadas em duas etapas, sendo a primeira on-line, no site do Programa e a segunda presencial, na sede da Fundação de Juventude de Palmas.

Na segunda fase o interessado irá confirmar, presencialmente, a inscrição e deverá apresentar a ficha de inscrição preenchida, com a documentação exigida, em envelope lacrado. “O estudante deve ficar atento aos prazos. Ambas as etapas encerram no dia 6 de fevereiro. E não há previsão de prorrogação”, afirmou o presidente da FJP.