Fundesportes realiza 1º Torneio de Voleibol Adaptado da Terceira Idade de Palmas

Fundação Municipal do Esporte e Lazer

Autor: Márcio Greick | Publicado em 13 de dezembro de 2019 às 11:45

Evento esportivo acontece nesta segunda-feira, 16, no Parque Municipal da Pessoa Idosa de Palmas

Com o objetivo de integrar e motivar os idosos praticantes do Projeto VóVôlei,   uma adaptação da modalidade esportiva para o público da terceira idade, será realizado nesta  segunda-feira, 16, a partir das 8 horas, na quadra poliesportiva do Parque Municipal da Pessoa Idosa de Palmas, o 1º Torneio de Voleibol Adaptado da Terceira Idade de Palmas. Somente participarão do evento idosos, homens e mulheres com idades entre 60 e 84 anos.

 

O 1º Torneio de Voleibol Adaptado da Terceira Idade de Palmas é uma iniciativa da Fundação Municipal de Esportes e Lazer (Fundesportes), em parceria com a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (Sedes). 

 

A secretária Municipal de Desenvolvimento Social, Valquíria Resende, destacou que o torneio é mais uma ação da Prefeitura que vai integrar ainda mais o idoso à comunidade. “Nossos atletas inseridos no VóVôlei estão treinando e se esforçando muito. Eu tenho certeza que é uma seleção que vai fazer a diferença no mundo dos esportes”, avaliou, acrescentando que o projeto visa proporcionar também uma vida plena, alegre e feliz com atividades físicas.

 

De acordo com o educador físico do Parque Municipal da Pessoa Idosa de Palmas, Allan Dutra, o 1º Torneio de Voleibol Adaptado da Terceira Idade de Palmas surgiu da realização bem sucedida do projeto VóVôlei, que acontece no Parque Municipal da Pessoa Idosa desde setembro deste ano.

 

“O projeto VóVôlei é mais uma atividade esportiva que o Parque da Pessoa Idosa Francisco Xavier de Oliveira oferece aos seus frequentadores e surgiu com a  intenção de oferecer aos idosos usuários do parque uma modalidade esportiva coletiva”, disse Dutra, acrescentando que voleibol foi a modalidade escolhida pelo fato de não ter contato físico, o que evita acidentes. Ele acredita que futuramente serão promovidos eventos oficiais da modalidade, em parceria direta com a Federação Tocantinense de Voleibol (FTF).

 

Durante o lançamento do projeto, ocorrido no dia 09 de maio deste ano, com a presença da ex-jogadora da Seleção Brasileira, Fofão, madrinha do projeto, o presidente da Federação Tocantinense de Vôlei (FTV) e diretor da Confederação Brasileira de Voleibol (CBV), Ricardo Abalém Júnior, pontuou  que o projeto será acolhido pelo CBV. “Essa iniciativa será abraçada pela confederação para que ele possa crescer”, afirma o dirigente.




Edição: Iara Cruz