“Gratidão”, o sentimento dos novos moradores do Recanto da Ilha, em Palmas

Secretaria Municipal de Habitação

Autor: Wédila Jácome | Publicado em 25 de março de 2022 às 18:17

Novas moradias foram entregues na última semana e mudou a vida dos contemplados

Estou muito feliz e com espírito de gratidão”. Assim se expressou Evanderlândia Abreu Sousa da Silva, a nova moradora do Recanto da Ilha, localizado na Arse 131, entregue na última semana pela Prefeitura de Palmas. A conquista da tão sonhada casa própria veio para ela junto com a alta do tratamento de câncer e nova oportunidade para voltar ao mercado de trabalho. Assim como elas, os moradores que já se mudaram acreditam que o recebimento da unidade habitacional é a oportunidade para uma vida melhor.

Geovana Ferreira Lima, de 42 anos, está desempregada e era inquilino de uma pequena quitinete com os seus três filhos. “Morava de aluguel e pagava R$ 350. Hoje me sinto aliviada, como se tirasse um peso das minhas costas. Tudo está subindo de preço. E, assim que recebi as chaves, já mudei para me ver livre do aluguel”, conta. 

Para quem vivia em uma casa abandonada, sem luz e água, receber um apartamento foi como um sonho. É o caso do senhor Carlos Alberto Donizete, 57 anos. “É uma bênção de Deus, só tenho gratidão”, diz. Mãe de cinco filhos, Francislene Barros de Brito é outra morada que recebeu as chaves da casa própria e vê uma oportunidade de uma nova vida. “Há 17 anos que espero por este momento, muitas vezes chorei, quase desisti, cheguei a ir embora de Palmas, perdi tudo e voltei”, relembra. Ela foi uma das primeiras moradoras do residencial. Mudou-se na segunda-feira para se ver livre do aluguel.

Recanto da ilha

O empreendimento foi construído em um terreno que soma mais de 8 mil m². Os apartamentos possuem 39,70m², distribuídos em dois quartos, sala, cozinha, área de serviço e banheiro. A quadra possui infraestrutura completa: pavimentação asfáltica, rede de drenagem pluvial, rede de fornecimento de energia, de água tratada e de coleta de esgoto. Além de vários equipamentos públicos de referência para seus moradores, como o centro comunitário, a unidade de saúde, além de escolas e ponto de ônibus.