Idosos do projeto ‘Vó Vôlei’ movimentam partidas de vôlei dos Jogos Escolares da Juventude

Secretaria do Desenvolvimento Social

Autor: Eliene Campelo | Publicado em 13 de setembro de 2019 às 14:54

  Presença dos idosos chamou a atenção dos atletas e comissões técnicas pela animação


Muita alegria e emoção marcaram a manhã dos idosos que participam do projeto ‘Vó Vôlei’ da Prefeitura de Palmas que estiveram no Complexo Esportivo da Universidade Luterana de Palmas (Ulbra) para assistir partidas de voleibol masculino e feminino dos Jogos Escolares da Juventude na manhã desta sexta-feira, 13. Os idosos assistiram partidas de equipes do Distrito Federal, Amazonas, Pará, Tocantins e Roraima.

 

O ‘Vó Vôlei’ é formado por 40 idosos que já são atendidos no Parque do Idoso Francisco Xavier de Oliveira sob a coordenação do professor de Educação Física da Fundação Municipal de Esportes e Lazer (Fundesportes), Allan de Brito Dutra.

 

“Eles estão muito felizes e atentos aos movimentos dos atletas. Estamos aproveitando para falar sobre as regras do jogo, sobre os movimentos, as jogadas e as estratégias dos atletas. No ‘Vó Vôlei’ não temos a preocupação com rendimento, queremos que eles pratiquem o vôlei de uma forma mais lúdica, respeitando as limitações de cada um, mas com muito engajamento e alegria, a mesma alegria que eles estão vendo aqui nos Jogos Escolares”, explicou o professor de Educação Física e coordenador do projeto, Allan de Brito Dutra.

 

Ainda de acordo com Allan, grande parte dos idosos não conhecia o esporte, que não era muito difundido no Brasil, é o caso do aposentado Raimundo Rodrigues Lima, morador do Jardim Aureny III, que se emocionou assim que adentrou no Complexo Esportivo da Ulbra. “Nunca pensei que ia viver um dia tão feliz e ver um jogo desses tão de perto”, disse o idoso que é um dos 40 integrantes do projeto ‘Vó Vôlei’.

 

As amigas Neuzalina Pantoja, Jesisleide Martins e Maria José Souza soltaram a voz e mandaram energia positiva para os atletas. “Estar aqui com essa juventude é maravilhoso. Nós gritamos e aplaudimos para dar apoio ‘pros’ times, para animar mesmo. Eles jogaram muito bem”, disse dona Neuzalina. “Agora é aplicar o que vimos aqui nos nossos jogos, dar o nosso melhor sempre”, finalizou a aposentada Maria José.

 

E a presença dos avôs e avós também encantou os atletas e suas comissões técnicas. As amigas Ana Beatriz Nakasone Ishida, Giovanna Tavernard e Camila Teles da equipe do Amazonas elogiaram o projeto da Prefeitura de Palmas e agradeceram o carinho dos idosos. “Eles são muito carinhosos, nos receberam com aplausos, foi muito lindo. A presença deles aqui alegrou o nosso jogo com certeza”, disse Ana Beatriz. Já Giovana falou que vai levar a sugestão do projeto ‘Vó Vôlei’ para a Manaus. “É uma iniciativa que merece ser copiada pelos outros estados, os idosos precisam de esportes e de mais convívio social com certeza”, disse a atleta.

 

“Esta atividade traz os idosos para algo diferente, inserindo-os nos eventos que acontecem na nossa cidade. Eles se divertem, tem contato com as outras gerações, ampliam seus conhecimentos sobre o esporte e o mais importante, se movimentam, saem de casa, socializam, isso é ter uma vida idosa com saúde, ativa”, destacou a coordenadora do Parque do idoso, Silvanete Mota, que acompanhou o grupo durante as partidas.

 

 

Edição e postagem: Lorena Karlla