IVM/EGP capacita servidores para o fortalecimento das ações de controle interno na Prefeitura de Palmas

Instituto 20 de Maio de Ensino, Ciência e Tecnologia

Autor: Neuracy Viana | Publicado em 12 de março de 2019 às 10:49

Curso de Formação de Agentes do Controle Interno teve início nesta terça-feira, 12, e segue até 22 de março, em dias alternados

 

Em busca de conhecimentos necessários para o aprimoramento de suas atribuições referentes à área de controle interno na Prefeitura de Palmas, a gerente de gestão da Fundação Escola de Saúde Pública (Fesp), servidora Suhellen Vilela, e o assessor especial jurídico do Instituto de Previdência Social do Município de Palmas (PreviPalmas), Rafael Sulino de Castro, estão participando do curso de Formação de Agentes do Controle Interno. A qualificação, promovida pelo Instituto 20 de Maio de Ensino, Ciências e Tecnologia, por meio da Escola de Governo de Palmas (IVM/EGP), teve início nesta terça-feira, 12, e se estenderá até o próximo dia 22, em datas alternadas, no período das 8 às 12 horas, na sala 02 do IVM.

 

Para Suhellen, o curso é essencial para o bom desempenho de suas funções, tendo em vista que a Fesp não dispõe de um agente de controle interno. Assim como a gerente, Rafael Castro acredita que os conhecimentos adquiridos contribuirão para que possa fazer uma melhor análise dos processos administrativos, bem como emitir pareceres mais qualificados na área.

 

Além de informações sobre o funcionamento do Controle Interno, os mais de 40 servidores inscritos no curso terão a oportunidade de se aprofundar em assuntos como: sistema de controle interno; sistema Coso de controle interno; administração pública; orçamento público; noções básicas de retenções tributárias sobre ISSQN, IRRF, e INSS; importância do controle interno municipal; disponibilização de modelos de documentos e manuais utilizados; orientações práticas; processo administrativo – previsão legal; e planilha resumo dos processos analisados, fluxograma e checklists adotados para análise de processos administrativos.

 

O curso está sendo ministrado pelo servidor multiplicador Cláudio Gomes de Carvalho, que é mestrando em Gestão de Políticas Públicas pela Universidade Federal do Tocantins (UFT); pós-graduado em Gestão Pública e Auditoria na Administração Pública pelo Instituto Tocantinense de Pós-Graduação; MBA em Gestão Pública pela Universidade do Tocantins; consultor contábil financeiro pela Universidade Federal do Paraná; MBA em Gestão Pública Municipal pela UFT e bacharel em Ciências Contábeis (UFT).

 

Durante a abertura do curso, a presidente do Instituto 20 de Maio, Valéria Albino de Araújo Nunes, após dar as boas-vindas aos participantes, destacou a importância do curso para a administração e falou sobre a grande procura que o curso teve. Para se ter ideia, foram abertas 30 vagas, mas, devido à grande demanda, a turma fechou com mais de 40 inscritos. Na oportunidade, a diretora da Escola de Governo, Lédyce Nóbrega Porto, também deu as boas-vindas e falou de assuntos como frequência, necessitando o servidor obter frequência mínima de 75% da carga horária prevista para o curso (20 horas) para poder ser certificado.