IVM/EGP qualifica servidores da Educação de Palmas em 'Saúde e Prevenção para o Enfrentamento da Pandemia'

Instituto 20 de Maio de Ensino, Ciência e Tecnologia

Autor: Redação IVM | Publicado em 12 de agosto de 2020 às 16:13

Curso conta com 85 participantes e tem o objetivo de promover a reflexão sobre as mudanças geradas pela pandemia no ensino

O Instituto 20 de Maio de Ensino, Ciência e Tecnologia, por meio da Escola de Governo de Palmas (IVM/EGP), está qualificando 85 servidores da Secretaria Municipal de Educação (Semed) em 'Saúde e Prevenção para o Enfrentamento da Pandemia'. O curso começou na última terça-feira, 11, na modalidade a distância, e segue até o próximo dia 21 de agosto, sendo que as aulas ao vivo, por meio da plataforma IVM Online, acontecem até esta sexta-feira, 14. De 17 a 21, o conteúdo da qualificação ficará disponível para os cursistas acessarem o material e realizarem atividades complementares.

O objetivo do curso é promover a reflexão sobre as mudanças geradas pela pandemia no ensino, além de possibilitar aos educadores o conhecimento necessário para que os mesmos possam desenvolver estratégias de autocuidado e gestão emocional, de modo a preservarem sua saúde mental e dos seus educandos.

A servidora Iris Márcia da Silva, que é orientadora educacional no Centro Municipal de Educação Infantil Pequeno Príncipe, é uma das alunas, e vê grandes desafios diante desse novo cenário, devido às incertezas. “Mudou muita coisa, de forma muito rápida, e nossa ação profissional foi afetada de uma forma que nunca imaginávamos ocorrer”, comenta. “O orientador ajuda na instituição e se vê diante de enormes desafios, sentindo-se impossibilitado de exercer sua função e necessitando de ajuda, de ser acolhido, pois antes de ser orientador ou professor, somos gente, seres humanos.”

Neste sentido, Iris Márcia destaca que o curso tem muito a contribuir, trazendo esclarecimentos e proporcionando encontros e discussões sobre o momento atual. “Pra mim está sendo ótimo poder ouvir e rever os colegas de profissão, mesmo que pela tela. Traz esperança diante de um cenário incerto”, ressaltou, afirmando que o curso começou em alto nível. “Gostei muito da didática e da postura da Isabela (instrutora). Vi que, por trás da fala e apresentação, teve uma organização. Como foi de alto nível, a expectativa da gente acaba aumentando para as próximas aulas."

Carlene Saraiva, que também é orientadora educacional, só que na Escola Municipal Maria Júlia, atua no exercício do magistério há 29 anos e vê a educação como um propósito de vida, apesar das lutas, inclusive nessa, em relação à Covid-19. “Essa Pandemia foi uma mudança repentina, um choque. Mas a gente tem que estar preparado para as mudanças. Quando se fala na saúde do profissional da educação, ter esse investimento é muito viável pro momento. Ficamos em casa pensando qual é a nossa contribuição para as nossas crianças, nossos jovens, nossos alunos... Tem toda uma comunidade esperando algo de nós”, disse, lembrando que a escola é a saída para muitas coisas. “Com o curso, a gente sente a valorização neste momento."

Curso

O curso é ministrado pelos instrutores Isabela Feitosa e Ilton Salgado Batista. Isabela é formada em Psicologia pela Universidade Federal do Pará, especialista em Saúde da Família e Comunidade pelo Ceulp/Ulbra, com Formação em Coaching Psychologyst e Intervenções e Manejo de Estresse. Ilton é enfermeiro, gestor da Diretoria de Atenção Primária da Superintendência de Atenção Primária e Vigilância em Saúde de Palmas. Também é pesquisador do Grupo de Estudo e Pesquisa em Educação para Promoção em Saúde (GEPEPS) e analista em Saúde, Estatístico, Epidemiologista e Saúde da Família e Comunidade, e um dos autores do Plano de Contingência da Covid-19

O curso tem duas frentes: a de prevenção e cuidado com a saúde mental e hábitos e prevenção frente ao coronavírus. “Quando discutimos sobre saúde mental e os impactos psicológicos da pandemia, a gente distribui esse conhecimento de modo que o educador se prepare, tanto para o seu cuidado quanto para o cuidado com os seus alunos e pais de alunos”, enfatiza, Isabela, acrescentando que a informação de qualidade é o principal ganho desse curso.