Ordem de serviço para reforma e ampliação do CSC de Taquaruçu será assinada nesta segunda, 30

Secretaria da Saúde

Autor: Redação Semus | Publicado em 27 de setembro de 2019 às 15:40

Serão investidos na obra mais de R$ 1 milhão, oriundos de emendas parlamentares e contrapartida do Município


Será assinada nesta segunda-feira, 30, às 10 horas, no Centro de Saúde da Comunidade Walter Pereira Morato, Distrito de Taquaruçu, a ordem de serviço para reforma e ampliação da unidade. A solenidade contará com a presença da prefeita Cinthia Ribeiro, do secretário de Saúde, Daniel Borini, entre outras autoridades, servidores da Saúde e comunidade local.


A empresa responsável pela execução dos serviços é a Hikari Construções Ltda, vencedora do processo licitatório iniciado em junho deste ano. Serão investidos na obra mais de R$ 1,1 milhão, oriundos de emendas parlamentares, recursos federais com contrapartida do Município. Desse montante, R$ 600 mil são de emenda parlamentar do vereador Major Negreiros e serão destinados para a obra em si. Além desse valor, o vereador Marilon Barbosa, por emenda parlamentar, está destinando mais R$ 400 mil para aquisição de mobiliário, perfazendo mais de R$ 1,5 milhão de investimentos.


“Com o apoio de emendas parlamentares e contrapartida do município essa obra será viabilizada e vamos continuar ofertando serviços de excelência para os nossos usuários, entretanto, num ambiente mais estruturado como a população merece”, ressalta a prefeita Cinthia Ribeiro.


O secretário de Saúde, Daniel Borini, lembra que esse é um sonho antigo da comunidade de Taquaruçu. “Por ser uma unidade antiga, a população já anseia há algum tempo por um espaço maior. Por isso, além de reformar o espaço existente vamos ampliar também. Os atendimentos serão ofertados num ambiente mais adequado, mais estruturado, que vai propiciar outros serviços que hoje não é possível oferecer”, ressalta o secretário.

 

Estrutura

 

A obra conta com a construção de um novo bloco para atendimento aos usuários e a reforma do prédio atual para apoio técnico e logístico. Por isso, a obra será feita por módulos para não haver interrupção do atendimento à população. Primeiro será construído o novo bloco e uma vez concluído o atendimento será transferido para o novo espaço. Em seguida será feita a reforma do espaço já existente.

 

Serão 389 m² de área construída (utilizando o sistema construtivo em concreto pré-moldado) e 479 m² de área reformada contabilizando um total de 868 m². O novo bloco de atendimento aos usuários contará com consultório odontológico, consultório ginecológico, dois consultórios diferenciados, sala de observação e sala de pequenos procedimentos, sala de vacinas, acolhimento e recepção. Todos perfeitamente adequados às normas técnicas atuais de construção em saúde.

 

Já a reforma do prédio atual, que atenderá toda a parte técnica e logística da unidade, contará com sala para farmácia, espaço para ambulância, quarto para repouso, sala de agentes de saúde, administração, sala de esterilização, almoxarifado e um espaço multiuso amplo que permitirá a realização de eventos de promoção e educação em saúde. Após iniciada a obra deve ser executada em até sete meses.

 





Edição e postagem: Lorena Karlla