Prefeitura de Palmas leva serviços gratuitos aos moradores da região Norte, na 3ª edição do programa Defensores na Comunidade

Secretaria de Governo e Relações Institucionais

Autor: Redação | Publicado em 19 de outubro de 2019 às 21:03

Serviços de regularização fundiária, impressão de boletos e parcelamentos de Imposto Predial Territorial Urbano foram alguns dos oferecidos 


Em mais uma edição do programa Defensores na Comunidade, a Prefeitura de Palmas, através do Resolve Palmas, levou ações de cidadania aos moradores da região Norte da Capital na tarde deste sábado, 19. Quem foi à Escola Municipal Daniel Batista teve oportunidade de tirar dúvidas sobre cadastro habitacional; revisão, transferência e regularização fundiária, impressão de boletos e parcelamentos de Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU), serviços ofertados pelo órgão.


A dona de casa Maria Raimunda Alves Machado levou a filha para participar das atividades infantis promovidas e aproveitou para procurar os serviços ofertados. “Estou aproveitando para renovar meu cadastro habitacional, como já faz muito tempo que eu fiz vou usufruir da oportunidade de estar aqui. Quem sabe não sou sorteada e em breve eu saio do aluguel”, destacou.


Quem também aproveitou os serviços prestados pela Prefeitura foi a dona de casa, Maria Francisca Barbosa Alves e o marido, João Oliveira Miranda. O casal aproveitou para solicitar o cartão de transporte do idoso. “Quando eu fiquei sabendo dos atendimentos que seriam realizados aqui hoje eu corri para aproveitar. Já fazia tempo que eu estava querendo fazer a carteirinha que garante gratuidade nas viagens intermunicipais e interestaduais, agora vai ser bom, assim vou poder visitar meus familiares”, comemorou.


A diretora do Resolve Palmas, Rosângela Lara Gomes, destacou a importância dos serviços que foram prestados pela Prefeitura. “Às vezes, em virtude da correria do dia-a-dia, do trabalho, dos encargos domésticos, as pessoas não têm tempo de se dirigir até os órgãos públicos para tirar dúvidas ou solucionarem problemas. Ações como essas são ótimas para aproximar ainda mais a comunidade do poder público”, informou.

 

Prefeitura de Palmas

 

Os órgãos presentes na ação foram os que realizam diariamente atendimentos na três unidades do Resolve Palmas. Entre eles estavam: a Secretaria de Segurança e Mobilidade Urbana (Sesmu), Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano, Regularização Fundiária e Serviços Regionais (Sedurf), Secretaria Municipal do Desenvolvimento Social (Sedes). São exemplos de serviços disponibilizados pelos órgãos a população, gratuitamente: atendimentos do serviço de Proteção e Atendimento Integral à Família (PAIF), inscrição no cadastro único. Foram feitos também cadastros habitacionais, impressão de boletos e parcelamentos de Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU), e consultas a regularização fundiária.

Além do Resolve Palmas a Secretaria de Saúde e o Centro de Zoonoses (CCZ) estavam ofertando testes rápidos para doenças como Sífilis, HIV, Hepatites B e C, orientações preventivas odontológicas, planejamento reprodutivo e testagem para calazar em cães.

 

Programa Defensores na Comunidade

 

O programa Defensores na Comunidade está na sua terceira edição. A ação desenvolvida pela Defensoria Pública do Estado do Tocantins (DPE-TO) tem como objetivo ofertar serviços gratuitos de saúde, cidadania e qualidade de vida, além de oferecer orientação jurídica nas áreas de Família, Cível, Criminal, Consumidor.


Além da Prefeitura de Palmas, a ação contou com os seguintes parceiros: Tribunal Regional Eleitoral do Tocantins (TRE-TO); Governo do Estado do Tocantins, por meio da Controladoria Geral do Estado (CGE), Secretaria de Cidadania e Justiça (Seciju), Serviço Social do Comércio (Sesc); Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac); Polícia Militar do Tocantins (PMTO); Corpo de Bombeiros Militar do Tocantins (CBPM); Conselho Municipal das Associações de Moradores e Entidades Comunitárias de Palmas (Comam); Conselho Municipal dos Direitos da Mulher (Condim); Associação dos Moradores do Lago Norte; e a Federação das Associações Comunitárias de Palmas (Facomp).