Primeira jornada do Projeto DNA do Brasil acontece em Palmas

Secretaria Municipal da Educação

Autor: Redação Semed | Publicado em 20 de junho de 2022 às 14:37

De iniciativa do Governo Federal, ação será desenvolvida na Capital com o apoio da Secretaria Municipal da Educação

A Escola Municipal de Tempo Integral (ETI) Almirante Tamandaré foi palco, na manhã desta segunda-feira, 20, da primeira jornada do Programa DNA do Brasil Talentos. Em Palmas, o objetivo é identificar talentos esportivos e a vocação profissional de crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade. O programa, que é coordenado pelo Instituto para o Desenvolvimento da Criança e do Adolescente pela Cultura e Esporte (Idecace), será desenvolvido na Capital com o apoio da Secretaria Municipal da Educação (Semed).

Nesta primeira parte, Palmas contou com a participação de cerca de 700 estudantes do 5º ao 9º ano, de 13 escolas da rede municipal de ensino. Outras duas jornadas serão realizadas ainda este ano, totalizando 2403 estudantes palmenses contemplados pelo programa. A abertura da primeira jornada contou com palestra do ex-atleta do salto triplo, Jadel Gregório que falou sobre sua história de vida e de como superou os obstáculos para alcançar o sucesso profissional através do programa.

Segundo Gregório, trazer para a escola o DNA do Brasil Talentos com o apoio dos governos é de uma importância muito grande para as crianças e adolescentes porque o esporte é saúde, é inclusão e é oportunidade. “Eu me sinto honrado em fazer parte do projeto, estou aqui no Tocantins até o dia 27, vou rodar em algumas cidades e escolas com o objetivo de fazer mudanças em cada lugar que passar. Através do esporte eu mudei minha vida e a vida da minha mãe. Tenho a missão de resgatar o maior número de crianças e levar para o caminho do bem”, conclui.

Representando a prefeita Cíntia Ribeiro, a secretária municipal da Educação, Cleizenir dos Santos, deu boas vindas aos presentes afirmando que “hoje é um dia muito importante para a rede, por estarmos começando esse projeto que veio para agregar ainda mais valores e oportunidades de crescimento para nossos alunos”.

Também presente, a deputada federal Dorinha Rezende, que é autora da emenda que destinou recursos federais na ordem de 4,5 milhões para a implementação do programa no estado, afirmou que o programa é a esperança de que, por meio da educação, do esporte e do cuidado com cada criança e cada jovem possa construir um mundo melhor. “Eu e os meus pares, Vicentinho Júnior e Carlos Gaguim. somos padrinhos do programa e colocamos recursos para que ele fosse implantado em diversas cidades do Tocantins. Esse é o primeiro ano e nós estamos apenas começando, porque eu quero muito que através do trabalho do DNA do Brasil,  as escolas, crianças e jovens do nosso estado tenham oportunidades de logo cedo descobrirem que a força da mudança, de melhorar suas vidas e dos seus familiares, está na sua força de vontade, e nossa responsabilidade é dar condições para que isso aconteça”, declarou.

O programa

A ação é voltada para assistência social e cuidado de crianças em situação de vulnerabilidade e de incentivo à iniciação profissional na juventude. O foco é levar aos  municípios contemplados melhorias nos resultados educacionais e esportivos, promovendo jornadas que contam com atividades já realizadas nas escolas e outras promovidas pelo programa, como palestras com atletas e reuniões das famílias com a equipe multidisciplinar itinerante do Idecace.

As palestras realizadas pelas equipes multidisciplinares itinerantes abordam temas transversais como desigualdade de gênero, bullying, enfrentamento e prevenção à violência contra crianças e adolescentes e posturas sustentáveis. Também será aplicado o protocolo avaliativo do Programa DNA do Brasil - Talentos com os estudantes e realizados eventos esportivos. As equipes são integradas por assistentes sociais, dentistas, nutricionistas e psicólogos que podem realizar orientações pontuais para questões urgentes das famílias.