Semana do Bebê: Cuidados com a primeira infância estão sendo abordados de forma criativa pelos residentes de saúde

Fundação Escola de Saúde Pública

Autor: Redação Fesp | Publicado em 14 de maio de 2020 às 18:17

 A Semana do Bebê é  realizada anualmente no período de 11 a 15 de maio



Desde o início desta semana, os 34 Centros de Saúde da Comunidade (CSCs), situados em várias regiões da cidade, estão mobilizados em abordar de forma criativa sobre os cuidados com a primeira infância. Desta vez, as ações que envolvem a Semana do Bebê,  realizada anualmente no período de 11 a 15 de maio, estão acontecendo de forma diferente, virtualmente, devido ao momento que o País vive diante da pandemia do coronavírus (Covid-19). Sem atividades e interações presenciais, a criatividade das equipes de saúde em levar as informações às famílias tem sido o grande diferencial este ano. 



Com a ajuda dos profissionais de saúde e residentes dos Programas de Residência de Saúde da Fundação Escola de Saúde Pública de Palmas (Fesp), o formato da programação nas unidades de saúde ocorre por meio de vídeos interativos, campanhas realizadas em redes sociais, compartilhamento de materiais educativos em aplicativos de telefone móvel, lives, palestras remotas entre outras atividades de forma virtual.  Nesta próxima sexta, 15, os residentes do Centro de Saúde da Comunidade da 406 Norte convidaram todas as mães atendidas na unidade para realizar um “Mamaço Virtual” com o tema “(Ama)mentar, um gesto de amor”.



A enfermeira e preceptora, Nígima Bezerra, explica que a intenção é incentivar o aleitamento materno, mostrando os benefícios reais da nutrição natural. “Existem pesquisas que revelam que amamentação pode prevenir 823 mil mortes de crianças e 20 mil mortes de mães por câncer de mama a cada ano. Apesar de tantos benefícios, os índices de amamentação ainda são baixos no mundo”, lembra.

 


Dentre os temas relacionados estão a participação paterna no período gestacional das suas respectivas companheiras, a importância do aleitamento materno para o desenvolvimento da criança, cuidados com alimentação do bebê, exercícios para estimular a coordenação motora,  a saúde mental da criança, do acompanhamento da saúde e realização de triagens neonatais, prevenção de acidentes, brincadeiras com o bebê, o cuidado com a higiene do bebê e outras dicas necessárias para esta fase inicial da criança.

 


Envolvimento



A coordenadora do Programa de Residência Multiprofissional em Saúde da Família e Comunidade da Fesp, Karolyne Botelho Marques, contou como foi o trabalho e envolvimento dos residentes na programação. “Acompanhamos de perto toda a dedicação e esforço dos nossos residentes e também dos seus tutores e preceptores para reunir conteúdos com informações seguras e responsáveis sobre temas relevantes para a saúde do bebê. Depois veio a tarefa de produzir os materiais didáticos e ilustrativos para abordar os cuidados e gerar engajamento das famílias”, contou.

 

 

“Este trabalho tem sido muito bem feito. O que temos observado é que foi produzido muito material interessante e pertinente, que vai auxiliar muitas mães, pais e responsáveis no cuidado com a criança”, revela.




 



Edição: Lorena Karlla