Semana do Bebê: Odontólogos explicam como proceder quando a criança sofre traumatismo dentário

Secretaria Municipal da Saúde

Autor: Redação Semus | Publicado em 16 de maio de 2022 às 15:26

Na USF da Arne 53, os profissionais compartilharam dicas de prevenção aos acidentes com crianças que podem causar trauma nos dentinhos de leite

Em uma roda de conversa, cinco odontologistas que atuam na saúde bucal da Unidade de Saúde da Família (USF) da Arne 53 (406 Norte) compartilharam dicas de prevenção aos acidentes com crianças que podem causar trauma nos dentinhos de leite. O encontro, que teve a participação de gestantes, mães e agentes de saúde da Unidade, aconteceu na manhã desta segunda-feira, 16, primeiro dia de programação da Semana do Bebê, que ocorrerá em vários espaços de saúde da Capital, no período de 16 a 18 de maio.

Os especialistas em saúde bucal explicaram para as mamães presentes de que forma elas podem ajudar no tratamento inicial de traumatismos dentários antes mesmo de chegarem ao dentista com a criança. A odontóloga Paula Freitas enfatizou que manter a calma é fundamental no momento do acidente, pois a criança irá buscar o aconchego dos pais.

“Se você mãe estiver nervosa, a criança também ficará. Com calma, veja se o acidente gerou desmaio, inconsciência, vômitos e/ou dores de cabeça. Se em alguns destes casos acontecer, o primeiro passo é levar a criança ao médico no serviço de urgência e emergência. Na ausência desses sintomas, a orientação é levar ao dentista”, aconselha.

A odontóloga Milena Brito explica que o ideal é a criança passar pelo atendimento com o dentista nas primeiras duas horas do acidente. “Se o trauma tiver provocado sangramento, limpem a boca da criança com gaze e soro fisiológico (na falta do soro, lavem com água filtrada), com cuidado para não machucar ainda mais a criança. É importante evitar dar chupetas ou mamadeiras para a criança até ela ser atendida pelo dentista, pois a força que ela faz para sugar pode atrapalhar a cicatrização”, reforça lembrando que se o dente ficar mole tiver, com sangramento ao redor ou mudar de posição dentro da boca é preciso procurar o dentista o mais rápido possível.

 

Impressões das mães

A dona de casa Luciana Alencar da Silva, mãe do Antônio Alencar Santos, de um ano e um mês, foi acompanhada pela equipe de multiprofissionais da USF desde o início da sua gestação, e durante este período ela contou que já recebia orientações sobre como cuidar da boquinha do bebê. “Hoje, adquiri novos conhecimentos. Saber como agir no caso de queda do Antônio e também para onde levar foi o que mais me chamou atenção”, disse ela, destacando que levou para casa um Guia impresso sobre os Cuidados Imediatos para o Traumatismo em Dente de Leite.

A mãe da Helena Freitas, de 3 meses, a arquiteta Aline Freitas, conta que não sabia que o dente quebrado pode ser guardado em um recipiente com leite ou soro fisiológico em temperatura fria até chegar ao dentista. “Uma novidade pra mim. Não imaginava que podia guardar o dentinho para levar ao dentista para avaliação do profissional”, falou surpresa.

 

Atividades

A programação da Semana do Bebê continua até o dia 18 de maio. Além da USF da 406 Norte, outras unidades também realizam atividades voltadas aos cuidados na primeira infância.  Nesta terça-feira, 17, a USF Isabel Auler, na ARSO 23 (207 Sul), realizará abordagens junto aos pais sobre aleitamento materno, saúde bucal e alimentação saudável.

No dia 18, às 08 horas, a USF Valéria Martins, na ARSE 122 (1.206 Sul), realiza para gestantes e mamães com filhos de até 10 meses de idade roda de conversa e acolhimento, oficina de papinhas e oficina de Shantala, entre outras atividades.

Também na quarta-feira, 18, nos períodos da manhã e tarde, nas USFs da ARSO 111 (1.103 Sul) e ARNO 61 (503 Norte) executarão ações de promoção e educação em saúde, atividades práticas sobre atenção e cuidado com a saúde do bebê, rodas de conversa sobre alimentação saudável, palestra com profissionais do Banco de Leite do Hospital Maternidade Dona Regina, saúde bucal com orientações da equipe da odontopediatria, abordagem sobre prevenção de acidentes domésticos em crianças com o Corpo de Bombeiros, compartilhamento de dicas de primeiros socorros em casos de emergência por asfixia com a criança e orientações às famílias sobre a importância da vacinação da infância.