Servidores aprendem como vencer o medo de falar em público em oficina no IVM

Instituto 20 de Maio de Ensino, Ciência e Tecnologia

Autor: Redação IVM | Publicado em 19 de dezembro de 2018 às 10:12

Evento fez parte da programação de encerramento do ano letivo 2018 da instituição

Diferentemente de muitas técnicas ensinadas para vencer o medo de falar em público, a inteligência emocional traz resultados comprovadamente eficazes nesse processo. Foi esse o foco abordado pela master coach Samara Avelar na oficina Perca o Medo de Falar em Público, realizada na tarde dessa terça-feira, 18, no Instituto 20 de Maio de Ensino, Ciências e Tecnologia (IVM). O evento, que faz parte da programação de encerramento do ano letivo 2018 da instituição, reuniu muitos servidores interessados em vencer esse medo.

 

Para vencer o medo, segundo a coach Samara Avelar, é preciso aumentar a testosterona e liberar o sistema parassimpático do corpo. Samara explicou que muitos dos medos de falar em público estão no subconsciente das pessoas, por isso é necessário identificar como foi gerado esse medo, que se transformou em uma crença. “Todos os medos estão relacionados às nossas crenças”, diz, explicando que crença é toda programação neural que se viu, ouviu e sentiu em algum momento da vida, e diz que toda crença é auto-realizável.

  

Outro ponto destacado durante a oficina foi com relação à forma com que as pessoas se veem, pois segundo Samara, isso vai influenciar quando elas estiverem à frente falando. “Quando você tiver mais confiança em si mesmo, vai ser menos crítico e isso vai te fazer a errar menos”, afirmou.

 

Falar em público sempre foi um desafio para a analista de contas da Secretaria Municipal de Educação, Luciene de Souza Ribeiro, motivo que a levou a se inscrever e participar da oficina. Depois de já ter feito alguns cursos nessa área e não ter obtido tanto sucesso no sentido de eliminar esse medo, Luciene acredita que a técnica ensinada na oficina de excluir as crenças e acreditar em si mesma vai ser um diferencial em sua vida.

 

O servidor José Roberto Barbosa, gerente de Inovação da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, também já tinha feito outros cursos nessa área, mas por acreditar que aprimorar seus conhecimentos e técnicas melhorará sua comunicação resolveu participar da oficina. “O IVM precisa fazer mais esse tipo de reciclagem para o servidor. Todos nós precisamos”, disse.



Edição e postagem: Iara Cruz