Símbolos, regionalismo e cultura tocantinense representados em arte na galeria do Espaço Cultural

Secretaria Municipal da Educação

Autor: Redação Semed/Palmas | Publicado em 28 de novembro de 2023 às 15:40

Exposição faz parte da abertura oficial da 15ª edição do Festival de Artes das Escolas de Palmas

Uma exposição de encher os olhos e aquecer o coração poderá ser conferida de hoje, 28, até o final do mês de dezembro, na galeria Municipal de Artes, situada no Espaço Cultural José Gomes Sobrinho, são 150 obras de artes - fotos, pinturas, colagens, desenhos e esculturas, cujos trabalhos são inéditos, feitos por alunos da rede municipal de ensino de Palmas. A exibição faz parte da abertura oficial da 15ª edição do Festival de Artes das Escolas de Palmas (Faes), que traz como tema a beleza, os símbolos do Tocantins e a valorização do regionalismo, da cultura e da arte. O evento contou com a presença dos gestores da Secretaria Municipal da Educação (Semed) de Palmas, alunos artistas, familiares, comunidade escolar e visitantes.

Em sua fala, o secretário da Educação de Palmas, professor Fábio Chaves elogiou a qualidade dos trabalhos expostos e disse ser grato por ter o privilégio de estar à frente da Semed em momentos tão importantes como o Faes. “Um evento como esse nos surpreende pela riqueza de detalhes e por ver que os nossos alunos conseguem produzir uma qualidade incrível, na parte das esculturas, por exemplo, percebemos que não é apenas pelo aspecto técnico, ela é feita com carinho. Eu parabenizo cada professor, cada diretor pela vontade em trabalhar com os nossos alunos, com os valores que se aprendem durante o processo de conhecimento e o processo de produção. Esse é o grande diferencial e o resultado não tem como ser diferente como esse, não tem grau, vai dos Centros Municipais de Educação Infantil (Cmeis) ao Ensino de Jovens e Adultos (EJA) com o mesmo nível da produção e do processo de aprendizagem, é isso que é mais importante”, declara o gestor. 

“Nós nos orgulhamos muito dos nossos alunos, e é por eles que trabalhamos. Então, isso que vocês nos entregam neste momento, neste espaço tão importante para a nossa cidade representa o tamanho, a importância e a qualidade de cada um. Vocês são os autores, os artistas que estão aqui representados, no ambiente mais importante da arte da cidade de Palmas, e até o final de dezembro a arte aqui é de vocês, vocês são os artistas principais durante todo esse fim de ano. Espero de coração que vocês se sintam pertencentes, valorizados e grandes como vocês são, não só agora, mas para sempre, verdadeiramente artistas”, comemorou.

De acordo com a Coordenadora de Arte e Cultura da Diretoria de Ensino Fundamental, Fabiana Goulart, a exposição é composta por produções de artes visuais, que é uma das modalidades do FAES. “Essa exposição aqui hoje nós temos fotografia, desenho, escultura, pintura e colagem, executadas por crianças alunas da rede municipal, então hoje aqui nós temos 150 obras com essas modalidades, com diferentes técnicas, materiais e tamanhos”, explica

Uma das artistas que levou trabalho para a galeria de artes é a pequena Laura Santos Barros, aluna do Cmei Príncipes e Princesas. Ainda tímida, ela disse que gostou muito de ver seu trabalho sendo apreciado por diversas pessoas. Laura estava acompanhada da mãe, Ladyanne Jesus Santos, que ficou encantada com tudo viu. “Muita coisa linda aqui, achei muito bonito e é um prazer a escola ter convidado minha filha para estar presente nesse momento, ela muito criativa e a professora sempre a incentiva a estar expondo as ideias dela”, afirmou. 

‘Um lugar mágico foi o tema escolhido pelo aluno Pedro Henrique Ribeiro Marinho, da Escola Municipal Monteiro Lobato, ele desenhou o Palácio Araguaia e concorre na categoria desenho – Educação Infantil II. Ele disse que escolheu o Palácio porque “representa o nosso estado”. Maria Aparecida Ribeiro de Araújo é uma mãe orgulhosa, ela estava atenta a todos os comentários. “É muito emocionante vê-lo participar desse evento, é um orgulho que eu tenho do meu pacotinho”, afirmou.

A pequena Letícia Gonçalves de Sousa – Educação Infantil III, da Escola Municipal de Tempo Integral (ETI) Anísio Teixeira, também escolheu um símbolo do Tocantins e fez um Girassol com colagem, o tema de sua arte é ‘O sol nasce para todos’. De acordo com ela, o sol é uma das maiores belezas do Tocantins. “É uma das belezas que todo mundo vem aqui para o Tocantins só para ver o sol, então eu resolvi fazer uma obra de arte para o país e eu acho muito legal porque assim a gente pode expressar nossos sentimentos pelo Tocantins em uma colagem”, declarou.

Para a professora de Educação Infantil Cmei Lucas Ruan, Aureny III, Ronnisia Brito Lima, o Faes é muito importante não só para os alunos, mas para as famílias também. “Levamos a história do Tocantins para as crianças, em sala de aula, e mostramos o que a gente tem de riqueza. Então, os nossos pequenos aprenderam e eles retrataram em forma de desenhos, que também é uma arte e a família entrou conosco nessa, então foi maravilhoso”, relatou.

A professora Vanessa Rita aproveitou para levar sua filha Manoela Rita, de 9 anos, para apreciar a exposição e relatou ser ótimo ver um trabalho com tanta qualidade. “A arte é um direito dos nossos estudantes, do cidadão, e a gente vê essas artes sendo produzidas pelos estudantes, é prova do quanto os professores e as escolas têm esse olhar, um olhar que visa fazer com que esses alunos acessem uma arte tão bonita. Aqui a gente vê, na maioria dessas obras, um retrato da cultura tocantinense. São obras que expressam vários lugares do Tocantins, que expressam a nossa cultura, o capim dourado, a imagem do girassol, tão representativo também para o nosso estado. Então é um momento de grande importância para as escolas, para os estudantes e também para os professores que conduziram tudo isso. Que foram orientadores desses trabalhos, estão todos de parabéns, porque são artes belíssimas”, disse.