‘Viver SUS’: Residentes vão conhecer de perto os serviços oferecidos na Rede de Saúde de Palmas

Secretaria da Saúde

Autor: Redação Fesp | Publicado em 05 de março de 2020 às 14:50

120 novos profissionais residentes dos Programas de Residência em Saúde da Fundação Escola de Saúde Pública de Palmas (Fesp) estão sendo recepcionados


 

Uma verdadeira imersão na rede de saúde de Palmas teve início na manhã desta quinta-feira, 05, para 120 novos profissionais residentes dos Programas de Residência em Saúde da Fundação Escola de Saúde Pública de Palmas (Fesp). Em uma jornada de dois dias inteirinhos, dentro do ‘Projeto Viver SUS’, os residentes conhecerão de perto os cenários de práticas da especialização na área da saúde.

 

 

Logo bem cedo, eles foram recebidos em clima de muita festa e euforia pelos coordenadores, preceptores, tutores, integrantes da equipe técnica da Fesp e representantes da gestão municipal. Para recepcionar e acolher o grupo, os residentes veteranos cantaram, pintaram os rostos e acolheram de forma harmônica os novos profissionais. 

 

 


O médico carioca Gabriel Santiago, 30 anos, ficou entusiasmado com a forma com que foi recebido na sede da Fesp. “Achei ótimo participar deste momento. Eu vim de outra especialização, mas lá não teve este processo de acolhimento que está acontecendo aqui. É muito bom ser bem recepcionado, traz mais motivação para nós profissionais que estamos começando um novo projeto”, conta o novo residente do Programa de Residência em Saúde da Família e Comunidade. 

 


De acordo com a presidente da Fesp, Jaciela Leopoldino, a residência vem se consolidando no processo de Educação Permanente, e de formação e fortalecimento tanto do ensino quanto dos serviços. “Esses 120 residentes que adentram no nosso Sistema de Saúde eles vêm com a proposta de fortalecer o cuidado individual e coletivo, visto que eles têm uma carga horária de assistência, quando são qualificados e ao mesmo tempo integram o processo teórico, são estimulados o conhecimento cognitivo e também de atitude e a capacitada técnica. Neste movimento, ganha o serviço, ganha a comunidade quando se tem o fortalecimento do cuidado ”, observa a presidente destacando que o ‘Viver SUS’ é uma estratégia da Fesp que propõe a integração e o acolhimento dos novos residentes. 

 


Participando da recepção dos residentes, o secretário de Saúde de Palmas, Daniel Borini, reforçou o convite aos profissionais para que aproveitem os dois dias do evento. “Vocês serão inseridos numa vivência muito rica. Conhecerão os territórios de saúde. Com os nossos sete Programas de Residência em Saúde, conseguimos que todas as categorias de saúde estivessem inseridas neste momento, portanto será uma grande oportunidade de vocês interagirem entre si, com os trabalhadores da saúde, com os usuários do SUS, a comunidade, os gestores e também com o controle social. Nesta interação, vão conhecer as estratégias de gestão, de atenção à saúde e os processos de formação em saúde da gestão municipal”, lembrou o secretário. 

 

 

‘Viver SUS’ continua

 

 

No período da tarde, os residentes serão divididos em grupos para dar início a programação de visitas às unidades de saúde de Palmas. Seguindo o cronograma do ‘Viver-SUS’, eles passarão pelos Centros de Saúde da Comunidade (CSCs), Ambulatório Municipal de Atendimento à Saúde (Amas), Centro de Apoio Psicossocial Álcool e Drogas (Caps AD III), Crefisul, Unidades de Pronto Atendimento Norte e Sul (Upas), Unidade de Vigilância e Controle de Zoonoses (UVCZ), entre outras unidades importantes da rede.

 


Em todos os locais, os colaboradores que são profissionais da saúde farão a recepção aos residentes e também a apresentação dos espaços e serviços.