Boletim coronavírus (Covid-19): Palmas registra 17 mortes no documento desta terça-feira, 6

Secretaria da Saúde

Autor: Redação Semus/ Edição: Lorena Karlla | Publicado em 06 de abril de 2021 às 18:10

Óbitos estavam em investigação e ocorreram entre os dias 28 de fevereiro e 04 de abril deste ano; Capital registra mais 112 novos casos da doença

Nesta terça-feira, 6, o Boletim Epidemiológico N° 383 confirma mais 17 mortes por complicações decorrentes da Covid-19 em Palmas. Os casos estavam em investigação e ocorreram entre os dias 28 de fevereiro e 04 de abril. Agora, a Capital contabiliza 405 óbitos pela enfermidade. A taxa de letalidade é de 1,13%.

Após a realização de 319 testes nesta segunda-feira, 5, mais 112 casos da doença foram registrados em Palmas, sendo 59 mulheres e 53 homens. Todos cumprem isolamento domiciliar. Até o momento, a cidade totaliza 145.119 notificações para síndrome gripal, número que inclui casos suspeitos para Covid-19, sendo: 60.467 descartados e 35.910 casos confirmados (números acumulados). Do total, 30.697 pessoas encontram-se recuperadas, considerando a alta de 90 pacientes nesta terça.

Internação e ocupação hospitalar

A taxa geral de ocupação de leitos exclusivos para o tratamento da Covid-19 em Palmas é de 75,3%. Os leitos clínicos públicos e privados estão 67,2% ocupados. Já os leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) têm taxa de ocupação de 84,5%.

Em relação às Unidades de Pronto Atendimento (UPAs), a taxa de ocupação é de 31,3% na UPA Sul e de 51,6% na UPA Norte.

Na Capital, 250 pessoas estão internadas por causas ligadas à Covid-19, 137 (54,8%) são residentes de Palmas e 113 (45,2%) de outras cidades/Estados.

Testes e vacinação

Dos 319 testes realizados, a Rede Municipal testou 29 pessoas, quatro tiveram resultado positivo. O Laboratório Central do Estado (Lacen-TO) realizou 252 exames, 100 positivos. Já a rede privada e as farmácias testaram 38 pessoas, oito com exames positivos.

Até o momento, 26.688 doses das vacinas contra a Covid foram aplicadas em Palmas, sendo que 18.879 são de primeira dose e 7.809 de segunda dose. Os públicos vacinados, conforme recomendação do Ministério da Saúde, são profissionais da saúde que atuam na contenção do novo coronavírus, idosos com mais de 67 anos, idosos em instituições de longa permanência e cuidadores desses idosos.

Acesse o boletim.

Mais informações sobre a evolução da pandemia, vacinação e outros assuntos podem ser acessados no site Plantão Coronavírus.

 

Saiba mais

Saiba como funciona o sistema de regulação municipal de Palmas para leitos clínicos e de UTI

Secretaria da Saúde de Palmas assina contrato com fornecedora de oxigênio para ampliar capacidade das usinas das UPAs