Seder recupera cinco mil quilômetros de estradas vicinais e estimula produção rural

Secretaria Municipal de Desenvolvimento Rural

Autor: Wédila Jácome/ Secom Edição: Denis Rocha/Secom | Publicado em 03 de janeiro de 2024 às 14:29

Foram realizadas mais de 1.700 assistências técnicas nas áreas de horticultura, bovinocultura, piscicultura, mandiocultura, avicultura, irrigação, além de atendimentos com calcário e tratores

A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Rural (Seder) encerra o ano de 2023 de forma positiva, marcando importantes conquistas e avanços na promoção do desenvolvimento rural e na melhoria da infraestrutura das estradas vicinais. Durante o ano, a Seder recuperou cerca de cinco mil quilômetros de estradas vicinais em todo o município. A ação atendeu todas as regiões rurais, algumas delas sendo revitalizadas até três vezes durante esse período. 

Para o secretário da pasta, Carlos Braga, essa iniciativa não só facilita o escoamento da produção agrícola, mas também promove a conectividade entre as comunidades rurais e urbanas. “Nosso compromisso é com o fortalecimento da produção agrícola e o bem-estar dos produtores, por isso, a Seder concentrou esforços em diversas frentes ao longo do ano”, disse.

 

Assistência rural 

Em 2023, a Seder realizou 1.740 assistências técnicas rurais, proporcionando suporte técnico e consultoria aos produtores do município. Na área de horticultura foram 351 atendimentos, 296 em bovinocultura, 114 em piscicultura, 166 em mandiocultura, 56 em avicultura e 17 em irrigação, além de 52 produtores atendidos com 675 toneladas de calcário.

Outra importante ação foi a assistência técnica a 675 produtores, que receberam os serviços de trator com grade aradora e encanteiradeira, ferramentas essenciais para a produção em larga escala.

O serviço gratuito ajuda a fomentar agricultores familiares do município que não teriam condições financeiras e estruturais de comprar ou alugar trator e implementos. 

 

Construção de bueiros e pontes

Outro destaque foi a construção de 19 novos bueiros e duas pontes, beneficiando diversas regiões do município. As localidades contempladas incluem Arana, Zé Branquinho, Taboca, Mariana, Vão do Lajeado, Vale da Cachoeira, Cipó, Tirolesa, Taquaruçu e Taquaruçu Grande. A Seder reforça a importância de se investir em estradas vicinais por serem de grande importância para os agricultores familiares, uma vez que são utilizadas para o transporte de insumos e produtos agrícolas. Além de serem utilizadas para o transporte escolar e de pessoas que precisam se deslocar entre as comunidades rurais.

 

Empreendedorismo rural

A atuação da Seder vai além da infraestrutura, alcançando o âmbito do empreendedorismo rural. Ao proporcionar condições adequadas para a produção, a secretaria contribui para o crescimento econômico das áreas rurais, incentivando a inovação e o empreendedorismo entre os produtores locais, com capacitações e incentivo aos produtores de origem animal, a exemplo de carne bovina, suína, aves em geral, mel, leite, ovos, e seus derivados, a aderirem ao Selo de Inspeção Municipal (SIM). Sem esse registro, os produtores não podem comercializar de forma legal dentro do município, seja em feiras cobertas ou nos comércios e supermercados.

 

Fazendinha do Calor Humano

Outra grande ação da seder é a Fazendinha do Calor Humano, que se tornou uma grande vitrine tecnológica, onde produtores rurais podem visitar e conhecer de perto as tecnologias e práticas mais modernas para a produção de fruticultura, mandiocultura, piscicultura, horticultura, e cultivo de capins forrageiros para pastagem. Ao longo do ano, os produtos cultivados na fazendinha serviram para abastecer escolas da rede municipal e instituições filantrópicas como a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae).